Volume de serviços teve alta de 1,6% em novembro na Paraíba, diz IBGE

0
33
Empresa de telemarketing, em João Pessoa, na Paraíba — Foto: Dani Fechine

O volume de serviços na Paraíba teve alta de 1,6% em novembro, comparado a outubro, conforme a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), divulgada nesta quarta-feira (13), pelo Instituto Brasileiro de Geografia (IBGE). O setor segue em uma trajetória tímida de recuperação depois uma queda de -20,5% em abril. O indicador paraibano ficou abaixo da média nacional, de 2,6%, mas foi o 4º maior do Nordeste.

A receita nominal na Paraíba teve um crescimento de 1,8% no período. O índice aponta para uma desaceleração na recuperação do setor, dado os resultados verificados em agosto, 8,1%; setembro, 3,1%; e outubro, 2,3%. O registro também ficou abaixo da média brasileira para o mês, que foi de 2,7%.

Em relação a novembro de 2019, o setor paraibano registrou queda de 8,1% no volume de serviços e de 7,2% na receita nominal. Se considerado o acumulado até então em 2020, as quedas são ainda maiores, de 11,3% e 11,1%, respectivamente. Por sua vez, no acumulado de 12 meses, as quedas foram de 10,0% e 9,7%, respectivamente.

Nas demais comparações feitas pela pesquisa, os indicadores estaduais apresentam reduções mais intensas que as constatadas na média do país. Apesar disso, a Paraíba é o segundo estado no Nordeste que melhor tem se recuperado das perdas acumuladas.

Com G1/PB