Veja o que muda nos saques do Bolsa Família em 2021

0
96

Os beneficiários do Bolsa Família vão receber o pagamento do benefício por meio de poupança social digital partir deste mês. Dessa forma, poderão movimentar o dinheiro por meio do aplicativo Caixa Tem e fazer saques e transferências. As contas são abertas pela Caixa Econômica Federal de forma gratuita.

O pagamento do Bolsa Família está programado para ser feito nos dias 22 e 23 de dezembro e de forma escalonada, os primeiros a receber serão os beneficiários que possuem NIS com final 9 e 0, seguindo a data de depósito regular do programa.

Esses representam 1,5 milhão de pessoas ou 16,5% do total de cidadões com direito ao benefício. Os beneficiários que terão sua forma de pagamento modificado, estão sendo informados via mensagens nos comprovantes de pagamento e nas telas dos terminais de autoatendimento no momento do saque.

Saques também permitidos na forma tradicional

Apesar dos depósitos em poupança social, os beneficiários vão poder continuar sacando o dinheiro nas agências e lotéricas da Caixa por meio do Cartão Bolsa Família ou Cartão Cidadão.

Calendário de saques do Bolsa Família

  • NIS de final 1 – 10 de dezembro
  • NIS de final 2 – 11 de dezembro
  • NIS de final 3 – 14 de dezembro
  • NIS de final 4 – 15 de dezembro
  • NIS de final 5 – 16 de dezembro
  • NIS de final 6 – 17 de dezembro
  • NIS de final 7 – 18 de dezembro
  • NIS de final 8 – 21 de dezembro
  • NIS de final 9 – 22 de dezembro
  • NIS de final 0 – 23 de dezembro

Calendário de abertura da poupança digital

As contas poupanças social digital serão abertas gradualmente para os beneficiários do Bolsa Família entre os meses de dezembro e março de 2021. Veja abaixo:

  • Dezembro: NIS finais 0 e 9;
  • Janeiro de 2021: NIS finais 6, 7 e 8;
  • Fevereiro de 2021: NIS finais 3, 4 e 5;
  • Março de 2021: NIS finais 1 e 2, e GPTE (Grupos Populacionais Tradicionais Específicos, que incluem quilombolas, comunidades tradicionais,  ribeirinhos, indígenas, extrativistas, pescadores artesanais, agricultores familiares, assentados, acampados e pessoas em situação de rua).

Pelo aplicativo Caixa Tem é possível consultar de saldo e extrato de benefícios, realizar pagamentos e transferências de até R$ 600 por transação e até R$ 1 mil por dia.

Veja também: Veja calendário da 9ª e última parcela do auxílio emergencial em dezembro