Empresa encomenda série sobre Diego Maradona e abordará polêmicas do ex-jogador

GPS da FAMA

Amazon produzirá série documental sobre Diego Maradona. (Foto: Divulgação)
Amazon produzirá série documental sobre Diego Maradona. (Foto: Divulgação)

Considerado um dos maiores jogadores de futebol de todos os tempos, chegando a rivalizar com Pelé, Diego Maradona terá uma série documental sobre sua vida produzida pela Amazon.

Segundo informações do site Deadline, a atração promete focar no “lado humano” do argentino, e não apenas na sua trajetória como atleta. A produção abordará a juventude do ex-jogador e o seu protagonismo na Copa do Mundo de 1986. As polêmicas de Maradona, como o consumo de drogas, não ficarão de fora da série.

+ Reprise da novela Belíssima ganha primeira chamada na Globo e cita Carolina Ferraz; assista

“Existem poucos jogadores cuja notoriedade transcende gerações e fronteiras geográficas. Maradona é um nome conhecido no mundo inteiro, e os destaques de sua carreira são discutidos até hoje, entre os maiores jogadores da história do futebol. Ficamos animados de levar esta jornada à Amazon Prime Video”, declarou Brad Beale, vice-presidente da empresa.

A série ficará a cargo da produtora BTF Media, fundada pelos mexicanos Francisco Cordero e Ricardo Coeto. “A história trará um olhar inédito a Maradona, não apenas como campeão mas como um homem”, ressaltou Cordero.

IMPASSE

Uma das séries de comédia mais populares da atualidade, The Big Bang Theory vem enfrentando um grande impasse nos bastidores em relação ao seu fim. Na última semana, o showrunner e produtor da série, Steve Holland, revelou em entrevista que havia o planejamento para que a próxima temporada da série, em 2019, seja a última. “Até que eu ouça algo diferente, sim”. “Sabemos que temos a próxima temporada, mas não sei o que acontecerá depois”, completou.

Porém, a situação mudou de figura após a exibição do último episódio da 11ª temporada, na quinta-feira (10). Com o aguardado casamento de Sheldon (Jim Parsons) e Amy (Mayim Bialik), o episódio foi visto por 15 milhões de telespectadores, a maior audiência de um encerramento de temporada da comédia em quatro anos.

Os índices registrados no episódio animaram os executivos da rede CBS. Em um encontro com jornalistas promovido nesta quarta-feira (16), Thom Sherman, diretor de programação da CBS, e Kelly Kahl, presidente da emissora, afirmaram que não há motivos para pensar no encerramento de The Big Bang neste momento. “Enquanto Chuck [Lorre, criador da série] e esses caras continuarem acreditando que há histórias para contar, nós levaremos o tempo que eles quiserem”, afirmou Kahl, segundo informações da revista Variety. “Nós certamente esperamos ter mais temporadas. A série não está chegando ao fim. Está em ótima fase agora. Houve uma queda zero de telespectadores em relação ao último ano”, afirmou.

Empresa encomenda série sobre Diego Maradona e abordará polêmicas do ex-jogador