Tribunal de Contas reprova as contas de 2018 da Lotep

0
102
Sede da Lotep, em João Pessoa. (Foto: Rizemberg Felipe/Jornal da Paraíba/Arquivo)

O Tribunal de Contas da Paraíba, durante sessão ordinária do pleno, realizada por videoconferência nesta quarta-feira(08), reprovou as contas, relativas ao ano de 2018, da Loteria do Estado da Paraíba(Lotep), na administração do senhor Alexandre Magno Candido da Cruz.

Segundo o relator das contas, conselheiro Nominando Diniz, o então gestor da época realizou despesas com aluguel de veículos sem observar parâmetros da Lei de Licitações (8.666/93), firmou contratos para assessorias jurídica e contábil sem observar os ditames legais, além de firmar termos de aditivos irregulares em convênios (proc. 05791/19).

Durante a sessão de ontem, além da Lotep, a prefeitura de Curral de Cima , relativas a 2019, na gestão do então prefeito Antônio Ribeiro Sobrinho, também foram reprovadas, por um “rosário de improbidades”, como disse o conselheiro Arnóbio Alves Viana em seu voto, tais como: compra e distribuição de alimentos,gastos com pessoal acima do limite legal e contratações de serviços prestados sem a devida comprovação do excepcional interesse público (proc. 08537/20).

Redação com Se Liga PB