Trackmania: Trezentos e sessenta e cinco pistas por ano

0
94
Trackmania: Trezentos e sessenta e cinco pistas por ano
Trackmania: Trezentos e sessenta e cinco pistas por ano

Há uma enorme quantidade de potencial com Trackmania, que muito já é visível e algo que pode apreciar da história da série Nadeo. O autor do artigo wccftech refere que não pode dizer que está rendido ao modelo de subscrição/jogos como um serviço, nem dizer que compreende completamente toda a ideia de reiniciar a franquia.

O que ele ´comprou´, até agora, é a mecânica do jogo e a diversão que o acompanha, bem como o incrível potencial que vem com o editor de pista. Como mencionado há pouco, não é admitido que o jogo seja classificado como uma subscrição, apesar de agir como uma subscrição. Assim, podemos ter acesso a uma versão gratuita do jogo, obtendo acesso a um número limitado de circuitos através de campanhas trimestrais e acesso limitado às criações de outros jogadores online.

A ‘associação ao clube’ (‘club membership’, leia-se: subscrição) que alimenta o jogo vem de diferentes formas. O acesso normal custa 9,99€ por ano, com acesso ao ´circuito do dia´, os 365 circuitos mencionadas anteriormente por ano, bem como o acesso total às criações de jogadores no editor de pista, bem como às competições diárias e muito mais.

Finalmente, há o acesso ao clube – isto custa 29,99€ por um ano ou 59,99€por três anos, e traz todas as características anteriores com a capacidade de se juntar a clubes, tendo acesso a personalização especial da pele, campanhas especiais e outras funcionalidades online, incluindo a participação na ´Open Grand League´ na esperança de se qualificar para a Grande Liga de Trackmania.

Porquê tantos circuitos, porque precisamente , e tal como jogos anteriores de Trackmania, este tem um criador de pistas muito extenso. Neste momento, nesta fase inicial, nem todas as funcionalidades estão desbloqueadas.

No entanto, e conhecendo editores anteriores da Trackmania e também tendo perguntado o que isso irá apresentar, o futuro é muito promissor. Os jogadores poderão importar os seus próprios desenhos, trazendo-os para o jogo, permitindo-lhes criar pistas loucamente detalhadas como esta, aquelas que nem sequer parecem pertencer à Trackmania.

O que é referido é que, neste momento, o editor é restritivo naquilo que oferece e, sinceramente, acho que tem uma curva de aprendizagem suficientemente íngreme que pode afastar as pessoas. É estranho, mas outros editores de pista acabámos por achar mais fáceis de usar com controladores, e ou isto é de uma UI que não é exatamente a melhor para navegar ou é apenas do facto de que nem tudo está lá e estaremos limitado nas opções de controlo.

Com o vasto número de especiais, bem como uma variedade de tipos de terreno como ´Ice´,´Grass´ e ´Dirt´, bem como faixas regulares, teremos mais liberdade para nos desafiarmos e a outros jogadores. A questão então é criarmos algo que nos mantém ao chão ou se literalmente começamos a subir paredes. A escolha é, claro, tua.

Aqui, o desafio será criar algo desafiante e divertido. Ou apenas entretermos com a última pista. A criação de conteúdo, particularmente os circuitos, é o núcleo da Trackmania. Só o nome o indica, tudo isto é tudo sobre ´mania de pistas´. A melhor parte é que, uma vez que trackmania é um título muito orientado para o conteúdo, coisa que sempre foi, a Ubisoft Nadeo realmente teve que pensar em como equilibrar isso com o facto de este ser um jogo ´de serviço´, e é aqui que entra a monetização.

Fonte: Wccftech

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Deixe uma resposta