Tem nome sujo? Veja como funciona o cartão Nubank para negativados

0
82

O Nubank foi criado para facilitar a situação financeira das pessoas, na oferta de produtos sem cobrança de anuidade ou tarifas escondidas e que podem ser gerenciados por aplicativo instalado no celular.

Recentemente, a empresa lançou uma ferramenta que promete democratizar o acesso ao crédito: trata-se do cartão Nubank para quem possui um histórico financeiro ruim ou está negativado.

A funcionalidade, que foi liberada no mês de fevereiro deste ano, funciona da seguinte forma: o cliente solicita um cartão que transforma o saldo da conta do Nubank em limite de crédito. A opção recebeu o nome de “adicionar mais limite”.

Como funciona o cartão Nubank para nome sujo

Caso a pessoa deseja usufruir de R$ 300 na função crédito, basta ela depositar na conta igual valor. A partir daí, a quantia é liberada automaticamente para uso na função crédito. Ao realizar uma compra no valor de R$ 200, por exemplo, parte do dinheiro fica separada e o limite passa a ser de R$ 100.

Ao final do mês, o usuário deve pagar a fatura do cartão. Vale destacar que a pessoa pode depositar quantas vezes achar necessário, visto que o limite varia de acordo com o dinheiro que é convertido da conta em crédito.

Como adicionar limite no cartão?

Em apenas alguns passo, é possível depositar na conta do Nubank e ter a opção de converter a quantia em limite no cartão de crédito. Confira as etapas a seguir:

  • Ao acessar a tela inicial do app Nubank, toque em “Adicionar mais limite”;
  • Selecione o valor que deseja transferir da conta do Nubank para o limite do cartão;
  • Confira, leia e aceite os termos e condições;
  • Informe o limite adicionado e confirme com a senha de 4 dígitos;
  • Pronto! O novo limite do cartão se torna disponível para uso.
  • Importante: o cartão que adiciona mais limite possui algumas diferenças em relação ao cartão pré-pago, como a construção de um histórico de crédito e a possibilidade de parcelar compras.

    Leia ainda: Nova função Nubank testa parcelar compras pagas à vista em até 12 vezes