Técnicos da Semam colhem sementes e preparam mudas de ipês para plantio na Capital

0
131

As mudas de árvores plantadas nas áreas públicas da cidade são produzidas pelos técnicos do Viveiro Municipal de Plantas Nativas da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP). É no Viveiro Municipal, ligado à Secretaria de Meio Ambiente (Semam), que nasce o verde de nossa cidade.

Esta semana os técnicos fizeram a coleta de sementes de ipês e estão preparando as mudas que se transformarão nas futuras árvores.

A coleta é feita em árvores matrizes e georeferenciadas, que estão localizadas em diversas cidades da Paraíba. Esse monitoramento é feito a partir da Rede de Sementes, formada por técnicos da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), PMJP e diversas outras instituições que atuam no reflorestamento. Com o uso de mapas, os técnicos visitam as áreas, localizam as árvores e fazem a coleta de sementes.

Os ipês são árvores com troncos tortos, com ramos grossos e irregulares e copa arredondada. São árvores que podem atingir até 30 metros de altura. Se  desenvolvem bem em clima tropical, mas é possível também encontrar ipês nas áreas de cerrado e caatinga. O florescimento leva em média três anos após o plantio.

A PMJP tem cadastrados, pelos técnicos da Semam, pelo menos um mil e 600 árvores de ipês nas áreas públicas da cidade. Elas estão principalmente na Avenida Beira Rio, Avenida Getúlio Vargas, no Parque Zoobotânico Arruda Câmara, Bica e no Parque da Lagoa, além de outras áreas verdes e bairros.

O secretário de Meio Ambiente, Abelardo Jurema Neto, destacou que a produção de mudas é uma forma de preservar o patrimônio ambiental da cidade. “Fazemos um esforço diário para manter o ritmo de produção de mudas. Trabalhamos com técnicos atentos, que escolhem as melhores árvores matrizes, produzindo as mudas que são usadas no plantio urbano, na recuperação de áreas degradadas e também para a distribuição junto à população”.