Secretaria Municipal de Educação realiza sanitização de escolas e creches e treina equipe para volta às aulas

0
105

Membros do Comitê Escolar de Gerenciamento da Pandemia da Covid-19 estão passando por um treinamento em relação à higienização de escolas e Centros de Referência de Educação Infantil (Creis) no combate à Covid-19. A capacitação, que também engloba uma pessoa da equipe de serviços gerais de cada unidade de ensino, acontece no auditório do Centro Administrativo Municipal (CAM) até a próxima sexta-feira (21). A iniciativa é da Secretaria de Educação e Cultura (Sedec-JP), em parceria com o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ).

Resultado ainda dessa parceria, o Zoonoses irá fazer a higienização e sanitização das unidades de ensino da Rede – salas de aula, copa, cozinha, secretaria, depósitos, entre outros setores, além de estar dando o suporte necessário para manter os ambientes devidamente higienizados. Esse serviço será feito de maneira periódica, obedecendo a sequência dos Distritos Sanitários, seguindo um organograma. Já na parte externa, o serviço será realizado pela Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur), que irá usar um caminhão pipa para limpar pátio e estacionamento.

“Essa nossa parceria é de fundamental importância para nossas crianças, que irão encontrar, na volta às aulas, um ambiente com total segurança. Essa ação de zeladoria é o cuidado da gestão com as pessoas, para que as crianças e suas famílias se sintam seguras, acolhidas e protegidas”, disse Pollyana Dantas, diretora do Centro de Controle de Zoonoses.

Treinamento – O principal papel da equipe que está passando pela capacitação é de multiplicador. Além das orientações, também foi feito um treinamento de como deverá ser feita a higienização nas unidades. Foram repassadas instruções sobre a concentração correta dos materiais de limpeza, por exemplo.

Os participantes também foram orientados sobre como prevenir acidentes com animais peçonhentos, além de combater a proliferação nos ambientes de escorpiões, Aedes aegypti e até mesmo caramujos africanos.

A higienização na unidade de ensino será feita três vezes a cada turno, sendo uma antes da abertura da escola, uma durante o intervalo e uma terceira após o término das aulas. Sempre que houver a necessidade de uma dedetização, uma equipe do Centro de Controle de Zoonoses irá reforçar esse serviço.

“Nós, enquanto Educação, temos que deixar as escolas prontas, limpas. O Zoonoses também irá fazer uma avaliação das unidades em relação a dedetização, verificando ainda se tem um terreno baldio ao lado da unidade que precisa de limpeza, por exemplo”, explicou a coordenadora da Assessoria Técnica Administrativa da Sedec, Rafaella Brandão.

Kits – Cada unidade de ensino recebeu adesivos de sinalização sobre distanciamento, proibido sentar, dispenser de álcool gel e cartazes informativos como distanciamento nas salas de aula e a importância de lavar as mãos.