O principal final de semana do São João na Paraíba registrou 649 assistências de saúde nos postos de Pronto Atendimento instalados pelo Governo do Estado, nos mais tradicionais polos de festas juninas espalhados pela Paraíba.

Os dados consolidados apontam que até último domingo (25) foram registrados ao todo 1.434 atendimentos e 83 transferências, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), nas unidades montadas em Campina Grande, Bananeiras, Patos, Monteiro e Santa Luzia, desde a montagem das estruturas de atendimento.

No Parque do Povo, em Campina Grande, foram feitos, de quinta-feira (22) a domingo (25), 178 atendimentos e 11 transferências. O dia que registrou o maior número de assistências foi a quinta-feira, com 55 casos. A unidade já acumula desde o início da festa, no dia 1º de junho, 897 atendimentos e 52 transferências.

No Terreiro do Forró, em Patos, foram 133 atendimentos e 12 transferências durante os cinco dias de programação de shows na cidade, que encerrou no último dia 23. Assim como nos outros polos, o Pronto Atendimento foi equipado com medicamentos e uma equipe multiprofissional, composta por médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem. Também esteve à disposição do público presente na festa uma ambulância do Coração Paraibano, com uma equipe de prontidão para a remoção de pacientes, em caso de necessidade de atendimento cardiológico de maior complexidade.

Em Monteiro, o Pronto Atendimento iniciou as assistências no dia 21 de junho e realizou, até este domingo (25), 75 atendimentos dentro do Parque Dejinha, além de oito transferências. O maior número de atendimentos teve como motivação a intoxicação alcóolica.

Já no Bananeiras Parque, no município de Bananeiras, o último fim de semana de festejos juninos registrou 173 atendimentos dentro do Pronto Atendimento. O encerramento, no último sábado, teve 111 assistências e uma transferência. No total foram contabilizados 308 atendimentos nos dois finais de semana de programação.

Por último, a festa na cidade de Santa Luzia somou 90 atendimentos dentro do Pronto Atendimento instalado no local, e ainda sete transferências.

De acordo com o secretário de Saúde da Paraíba, Jhony Bezerra, a iniciativa tem proporcionado aos forrozeiros a garantia de atendimentos de saúde céleres e de qualidade. “Os números mostram a importância da presença dos postos de Pronto Atendimento nas festas juninas mais tradicionais do estado. Temos oferecido uma assistência em saúde de forma rápida e eficiente, sem comprometer o fluxo normal de atendimentos nos hospitais”, pontua.

A estrutura de Pronto Atendimento de saúde montada pelo Governo do Estado nos festejos juninos do interior da Paraíba oferece serviços de baixa, média e alta complexidade (para casos de complicações cardiológicas), com o objetivo de garantir tranquilidade e segurança para os forrozeiros.

Fonte: Ascom/ Governo do Estado da Paraíba