Samu de João Pessoa oferece capacitação para motociclistas que exercem atividade remunerada

0
80

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192) deu início a um projeto inédito em João Pessoa que visa a prevenção de acidentes com motociclistas que exercem atividade remunerada. A ação preventiva, denominada ‘Projeto Pilotagem Segura’, deverá beneficiar, de forma gratuita, milhares de motoboys que cruzam as ruas da Capital e região metropolitana todos os dias.

De acordo com Emanuel Almeida, coordenador do Núcleo de Educação Permanente do Samu de João Pessoa (NEP), a iniciativa tem o objetivo de conscientizar o motociclista para uma pilotagem segura, a fim de evitar acidentes. Dentro dessa lógica, o treinamento básico, que tem a duração de oito horas, também visa tentar promover uma pilotagem defensiva, conscientizando os motociclistas para os riscos inerentes a profissão.

Você já imaginou acertar 14 pontos com apenas 14 JOGOS na Lotofácil ?

Uma plataforma completa com inteligência artificial Que te GARANTE 14 e até 15 Pontos com apenas 14 Bilhetes.
Hoje você poderá se tornar um apostador PROFISSIONAL!

COMPRAR AGORA

ESTA OFERTA PODE SAIR DO AR A QUALQUER MOMENTO, APROVEITE!

“O projeto chegou para diminuir os acidentes envolvendo motociclistas que exercem atividade remunerada, tendo em vista que os atendimentos que o Samu faz a esse público específico está na média de 300 por mês. Para isso, desenvolvemos esse projeto, oferecendo um treinamento básico e gratuito que, além de prevenir os acidentes com motos, irá beneficiar milhares de motociclistas”, revelou Emanuel Almeida, coordenador do NEP.

Pré-requisitos – Os pré-requisitos para participação no Projeto Pilotagem Segura são os seguintes:

-Ter CNH nas categorias “A” ou “AB”;

– Ter motocicleta própria para realização dos treinamentos;

– Estar com o IPVA e licenciamento da moto rigorosamente em dia;

– Portar os Equipamentos de Proteção Individual, além do uso de máscara para prevenção contra a Covid-19;

– Estar ciente da necessidade de assinar o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE);

– Ter disponibilidade para realização do treinamento.

Treinamento – O treinamento contempla vários itens de segurança e pilotagem segura, a exemplo da postura correta na motocicleta, acionamento correto dos freios, legislação de trânsito, direção/pilotagem defensiva, maneabilidade, como também a importância do uso dos EPI’s.

Mais informações sobre as inscrições podem ser obtidas através do e-mail [email protected]