Priscilla Alcântara revela por que deixou a TV e Yudi desabafa sobre drama: “Estava jogando tudo pro ar”

0
78
Yudi Tamashiro e Priscilla Alcântara
Yudi Tamashiro e Priscilla Alcântara (Foto: Montagem/GPS da FAMA)

Yudi e Priscilla abriram o jogo em entrevista ao Programa da Maisa no SBT

Dupla que ficou famosa no comando do Bom Dia e Cia, Yudi Tamashiro e Priscilla Alcântara abriram o jogo sobre a vida dentro e fora da TV. Ela, que atualmente é cantora, disse que nunca pensou em seguir algo que não fosse a carreira musical. Já o rapaz lembra de drama na vida pessoal que o fez se converter.

Durante conversa com Maisa Silva em seu programa que vai ao ar neste sábado (13), Yudi conta como foi o começo de sua carreira na TV no Programa Raul Gil e Priscilla Alcântara fala do seu amor pela música e que começou a cantar aos 2 anos de idade. “Eu nunca pensei em ser nada além de cantora”, diz ela.

Veja Também: Xuxa, Galvão Bueno, Felipe Titto e mais: famosos se tornam empreendedores, faturam fortuna e valores impressionam

Veja Também: Luciana Gimenez rasga o verbo sobre suposto relacionamento e expõe acompanhante: “Não vou mentir”

No jogo que dedura a intimidade um do outro, Yudi fala de momentos complicados de sua vida e porque se converteu a igreja. “Na verdade eu estava louco. Estava bebendo demais, estava saindo muito. Eu estava jogando tudo o que eu tinha conquistado pro ar”, relata ele, que diz como tudo isso mudou.

Yudi Tamashiro e Priscilla Alcântara em entrevista a Maisa Silva (Foto: Gabriel Cardoso/SBT)
Yudi Tamashiro e Priscilla Alcântara em entrevista a Maisa Silva (Foto: Gabriel Cardoso/SBT)

“Me chamaram para ir para a igreja. Lá cada palavra que ele [o pastor] soltava estava sendo pra mim, era tipo um soco que eu estava recebendo no coração. E naquele momento eu falei: Deus, eu quero um recomeço na minha vida”, afirma Yudi, que completa: “Hoje o que eu quero e estar dividindo este amor que eu sinto com as pessoas que eu amo. E afinal eu amo todo mundo”.

Já, Priscilla Alcântara esclarece o que é ser crente ou cristão: “Tudo na nossa sociedade hoje é sobre rótulos. E com a esfera da religião não é diferente. As nomenclaturas não significam nada. O que significa é se você é um seguidor de Cristo ou não. Só quem segue Jesus pode ser chamado de discípulo”.

Veja Também: Maisa detona apresentador do SBT após comentário racista: “Sinto repúdio”

Veja Também: Najila Trindade se aproveita de fama e volta a investir em carreira após acusação de estupro contra Neymar

E Priscilla Alcântara continua seu raciocínio: “O intuito, na verdade não é você se converter para ser chamado de crente, ou de evangélico, ou de cristão. Mas sim você se converter para ser de fato na sua vida, no seu cotidiano, um discípulo de Cristo. Se você quiser chamar isso de evangélico, de crente, de cristão ou discípulo você fica à vontade, mas a questão em si não é você dizer que é alguma coisa, mas de fato ser nas suas atitudes”.

No quadro “Submaisa” a apresentadora faz Priscilla Alcântara e Yudi Tamashiro viajarem nas profundezas da memória televisiva e resgata imagens do passado da vida de cada um. Eles relembram o começo como apresentadores do Bom Dia e Cia e quando participaram pela primeira vez de programas no SBT.

Veja as últimas noticias sobre TV & Fama