BOMBA! Ex-assessor de Geddel foi recebido por Cármen Lúcia para pedir prisão de Lula

A presidente do Supremo, ministra Cármen Lúcia, voltou a colher aplausos antes da sessão de ontem, quando abriu o gabinete para ativistas que apoiaram a derrubada do governo Dilma e agora defendem a prisão de Lula. O encontro foi marcado pelo movimento Vem Pra Rua, que ajudou a organizar as manifestações a favor do impeachment.

Leia Também

MAIS UMA ARMAÇÃO? TRF-4 julga recurso de Eduardo Cunha no mesmo dia…

22 mar, 2018

GOVERNADOR DA PARAÍBA, “Querem tirar Lula apenas para facilitar…

22 mar, 2018

Entre os quatro visitantes recebidos por Cármen, estava Jaílton Almeida, dublê de ativista e assessor da Presidência da República. Ele deve o cargo ao ex-ministro Geddel Vieira Lima, o homem de R$ 51 milhões, hoje preso na Papuda. Na saída, o funcionário do Planalto foi só elogios à “resistência” da ministra.

As informações são da coluna de Bernardo Mello Franco em O Globo.