PMJP apresenta projeto do Villa Sanhauá a representantes da Prefeitura de Recife

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através da Secretaria de Habitação (Semhab), apresentou, nesta sexta-feira (30), o projeto do Villa Sanhauá a representantes da Prefeitura da cidade de Recife (PE). O objetivo da apresentação foi atender a uma solicitação da prefeitura da Capital paraibana  para conhecerem a ocupação com moradias e empreendimentos do Centro Histórico.

A Secretária da Semhab, Sachenka da Hora, destaca que o projeto do Villa Sanhauá começou como um piloto e hoje é uma realidade que tem servido de referência em todo o Brasil. “É um projeto único e é muito gratificante quando somos procurados para partilhar essa experiência. Conseguimos unir no Villa Sanhauá serviços, moradia e revitalizar uma área tão importante como é o Centro Histórico”, disse.

A Secretária Executiva de Habitação da cidade do Recife, Norah Neves, destacou que conheceu o projeto pessoense através da imprensa e se interessou em conhecer de perto. “Temos uma situação parecida no Centro Histórico de Recife em que buscamos revitalizar e o ocupar a área. Conhecemos esse projeto e fizemos questão de vir conhecer de perto para, quem, sabe tomá-lo como modelo na nossa cidade”, afirmou.

Modernidade – O Villa Sanhauá é um projeto desenvolvido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através da Secretaria Municipal de Habitação (Semhab). Composto por 17 moradias e seis lojas de diferentes empreendimentos artísticos, o Villa Sanhauá é um ponto cultural inovador na revitalização de prédios históricos, um complexo com modalidades de moradia, comércio e serviço. Na obra, a PMJP investiu recursos próprios na ordem de R$ 4,2 milhões.

O projeto foi desenvolvido de forma a integrar a cidade antiga com a cidade nova, do Centro à orla de João Pessoa. Dentre os empreendimentos culturais, quem for à Villa, ainda pode visitar e vivenciar a Casa do Samba JP (com atrações às tardes dos sábados), a Vila do Porto, o Atelier e Galeria Ely Nunes, a Re Cria Produções (galerias de artes) e o estúdio fotográfico Lumiar.