PSL, partido de bolsonaro, e volta e não lançar um candidato para o Município de Cabedelo

tFoto: Reprodução

Apesar da expectativa em torno de um aplicativo de PSL para o Município de Cabedelo – que seria representada pelo nome do Pastor, que vieram para se candidatar a deputada federal nas eleições daquele ano, mas perdeu o partido, em reunião realizada ontem, sexta-feira (09), decidiu não lançar qualquer nome para disputar as eleições mais na cidade, agendada para dezembro deste ano.

De acordo com o vice-presidente nacional da sigla, Juliano Leitura, contato com a imprensa, a decisão de não liberar um aplicativo foi consensual. Já Morgana, como Julian, serão recrutados para novas missões.

Além da Silva, participaram na reunião, o presidente do PSL da Paraíba, Coronel Francisco, eleito deputado estadual Cabo, Gilberto, Fábio Lopes, secretário-geral da sigla e a própria Morgana Macena.

Veja também:

  • CABEDELO: PSB indica o vice de Victor Hugo, o PROBLEMA