Prefeito é afastado do cargo pela Justiça em Pombal/PB

O prefeito da cidade Pombal, no Sertão do estado, Dr. Verissinho (MDB), foi condenado, em uma ação, movida pelo Ministério Público, em face de conduta vedada e improbidade administrativa. A Sentença foi dada em dezembro de 2017, no entanto só agora chegou na Comarca de Pombal.

Na ação o juiz Antônio Eugênio, que é titular da Comarca de Itaporanga e membro do Meta 4 do CNJ, afirma que depois de analisar o processo, verificou-se que foi montada uma verdadeira máquina de manipulação de licitações da Prefeitura de Pombal com a intenção clara de dilapidar o patrimônio público.

O juiz determinou o afastamento do prefeito das funções públicas, perda dos diretos políticos por quatro anos além de multa.

O juiz determina também que a Câmara de Vereadores providencie o afastamento do prefeito de imediato. Nessa mesma ação, porém na Vara Criminal, o prefeito já foi condenado a 10 anos de prisão. Ambas decisões necessitam de julgamento por um colegiado o que permite, pelo menos por hora, Dr. Verissinho ingressar com pedido de liminar e tentar se sustentar no cargo.

Selecionamos para você

amei