Ex-prefeita do Conde, PB, deve restituir R$ 2,9 milhões aos cofres públicos, diz TCE

A ex-prefeita do município do Conde, na Região Metropolitana de João Pessoa, deverá restituir aos cofres públicos R$ 2,9 milhões, conforme determinou Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB), nesta quarta-feira (11). Tatiana Lundgren Correa de Oliveira teve as contas de 2013 e 2014 reprovadas, em grau de recurso, pelo tribunal.

Além de desvios de bens e recursos públicos, a ex-prefeita respondeu por despesas sem comprovação documental, disponibilidade financeira igualmente não comprovada e outras irregularidades.

O Tribunal de Contas também manteve a imposição de débitos, a desaprovação às contas dos Fundos de Saúde e Assistência Social do Conde, atinentes aos dois exercícios.

O Ministério Público da Paraíba (MPPB), o Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco) e o Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil (GOE) realizaram uma operação, no dia 6 de março, que apontou a ex-prefeita como suspeita de lavagem de dinheiro e fraudes praticadas contra o erário da cidade.

Selecionamos para você