Cartaxo desconversa sobre a suposta participação de Manoel Júnior, o vice-prefeito de JP, o esquema de corrupção no Governo Dilma

Manoel Junior foi eleito vice-prefeito de João Pessoa pelo MDB na chapa com Luciano Cartaxo (Foto: Reprodução)

Na manhã desta sexta-feira (09), após a Polícia Federal realizar mandados de busca e apreensão em um apartamento de propriedade do vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior (PSC), sobre o suposto envolvimento em um esquema de corrupção no Ministério da Agricultura durante o Governo Dilma Rousseff (PT), o prefeito Luciano Cartaxo (PV) evitado discutir sobre o tema.

Cartaxo tem declarado que não sabe que a ação, mas que pode, no entanto, necessidade de se preservar o relacionamento institucional com Manoel.

“Não tenho conhecimento sobre este tema específico. Nós temos um relacionamento institucional, ele é o vice-prefeito, mas é preciso separar as coisas, mesmo Manoel de não ter votado na nossa candidato nas últimas eleições, é importante preservar o respeito e a questão institucional”, disse ele.

Veja também:

  • TRE-PB marca diplomação de eleitos e suplentes no estado da Paraíba
  • Meu gabinete está à disposição de João Azevêdo, diz Ruy Carneiro