Ortotrauma realiza capacitação sobre atendimento humanizado para os colaboradores da segurança

0
111

O Complexo Hospitalar de Mangabeira Tarcísio de Miranda Burity (Ortotrauma) está realizando uma capacitação sobre atendimento humanizado para os colaboradores do setor de segurança do serviço. O treinamento, dividido em duas turmas, teve início nesta terça-feira (27) e segue até esta quarta-feira (28), com a finalidade de melhorar a qualidade no acolhimento dos pacientes e acompanhantes.

De acordo com a coordenadora do Núcleo de Residência Estágio e Pesquisa (Nurepe) do hospital, Ana Laís Oliveira, a atividade é fundamental para que seja oferecido aos usuários um atendimento de excelência. “É necessário a gente desenvolver a educação continuada para os profissionais dos diversos setores, seja da limpeza, recepção ou segurança, para que eles possam saber como se portar em situações de crise e de risco”, afirmou.

Você já imaginou acertar 14 pontos com apenas 14 JOGOS na Lotofácil ?

Uma plataforma completa com inteligência artificial Que te GARANTE 14 e até 15 Pontos com apenas 14 Bilhetes.
Hoje você poderá se tornar um apostador PROFISSIONAL!

COMPRAR AGORA

ESTA OFERTA PODE SAIR DO AR A QUALQUER MOMENTO, APROVEITE!

A capacitação aborda pontos como atendimento humanizado, ética profissional, regras e condutas do hospital, apoio ao corpo profissional, mediação de conflitos e procedimento em situações de crise. O Complexo Hospitalar conta com mais de 40 colaboradores no setor de segurança.

Humanização do atendimento – Dentro de uma reestruturação do serviço, o Ortotrauma de Mangabeira tem realizado uma série de capacitações para seus colaboradores com foco na humanização do atendimento, a exemplo do treinamento realizado na semana passada para a equipe da recepção.

Referência- A unidade hospitalar é referência em cirurgia de urgência e emergência de áreas abaixo do cotovelo e abaixo do joelho, conforme pactuação firmada com o Ministério da Saúde. O serviço também realiza pequenas cirurgias sem internamento, consultas, exames laboratoriais e por imagem, tratamentos de recuperação motora por meio do Centro de Reabilitação e Tratamento da Dor (Cendor) e urgência psiquiátrica por meio do Pronto Atendimento em Saúde Mental (PASM).