Moradores suspeitam de envenenamento de animais em Campina Grande

0
165
Foto: Reprodução

Moradores do bairro Vila Cabral têm denunciado a morte de gatos por envenenamento. O caso tem acontecido nas últimas semanas, e já vitimou cerca de 40 gatos num período de 15 dias.

O líder comunitário Tiago das Neves afirmou que o desafio dos moradores é descobrir quem está assassinando os bichos de estimação dos residentes na comunidade.

“São sinais claros de envenenamento com presença de espuma na boca dos animais. Estamos investigando para descobrir quem está fazendo esses atos cruéis com os animais indefesos da nossa comunidade”, afirmou.

A moradora Rose Torreão, que teve o seu bicho de estimação envenenado, lamentou a morte de “Mimi”, que pertencia à família.

“É uma coisa que está incomodando a comunidade, inclusive a minha família que perdeu ‘Mimi’, que era o xodó da casa, e foi um dos primeiros a serem mortos. Isso é um absurdo, uma crueldade”, disse.

Envenenar cães e gatos é considerado maus tratos, previsto na lei de crime ambiental (9.605/98), com pena que pode variar de dois a cinco anos, com multa e proibição da guarda. Coma mudança na lei, se a pessoa for presa em flagrante, não poderá pagar fiança.

De Paraíba Online