Acusado de estuprar neta de 11 anos é espancado até a morte por 14 presos em uma célula

Deveriam estar na prisão, isolado, mas a compartilhar o espaço com os presos de baixo risco

imagem24-10-2018-18-10-47

Foi espancado até a morte por 14 presos na segunda-feira (22), em uma cela na delegacia de polícia de Dourados – a 225 quilômetros de Campo Grande, o idoso de 73 anos é acusado de estuprar a neta de 11 anos. Descubra os crimes que ocorreram na transferência de prisioneiros na segunda.

Ele foi preso durante a Operação Saturação, que ocorreu em setembro deste ano. O velho estava em uma cela com outros 14 presos, e foi tomar parte na sessão de uma batida. Descubra os crimes cometidos pelos agentes quando eles estavam fazendo a transferência de prisioneiros no plano de desenvolvimento da escola (da Penitenciária Estadual do Ouro).

O Samu (Serviço Móvel de urgência) chegou a ser acionado, mas a morte foi descoberto no site. 14 presos serão analisados individualmente pelo homicídio, de acordo com o site Ouro de Notícias. Imagens de segurança mostram bater os idosos do grupo.

De acordo com informações, o homem idoso foi deixado em uma cela com presos de baixo risco, ao invés de ser isolado, como é o caso com os autores do crime de estupro. O inquérito deve ser concluído em 10 dias.

(Foto: Osvaldo Duarte)

Fonte: www.midiamax.com.br

VEJA TAMBÉM:

Pedófilo arrasta a menina para um terreno baldio, e 5 Cães vadios estão ouvindo e destroem o agressor