A máquina estiver SUJO e CORRUPTO em demanda do PT, que destruiu o BRASIL

imagem21-10-2018-17-10-46

Há definitivamente algo de podre no longo reinado de petista de quase 14 anos de governar o País. O Partido dos Trabalhadores, a cada dia torna-se mais evidente, a utilização da máquina estatal em forma de um criminoso como qualquer outro grupo na história.

Os operadores de desvios no PT. O título do editorial da revista, assinado por José Carlos Marques, diretor editorial Editor três, sem bater em torno do arbusto “tiras” o mundo corrupto do Partido dos Trabalhadores.

Resultado de imagem para lula e a cupula do pt

Há definitivamente algo de podre no longo reinado de petista de quase 14 anos de governar o País.

A prisão de dois dos seus ministros das Finanças, em sua ordem, como parte da Operação Lava Jato desfraldado para o Brasil como ele trabalhou, dentro dos limites do impensável – a engrenagem de ação do Partido à procura de financiamento ilegal para garantir a sua continuação no poder.

Antonio Palocci foi parar atrás das grades, logo após, Guido Mantega, é para mostrar que a pasta repetidamente servido por mãos deles, a coleta de dinheiro em troca de “favores” de lucro para a festa. … Agiu como intermediário em negócio questionável transações que um contratante, arrancou pelo menos us$ 128 milhões, de acordo com investigadores qualificados. Entretanto, o enriquecimento. Ele foi um dos mais impressionantes carreiras “orientador” que se tem notícia, facilitando as conexões entre clientes e os governos de Lula e Dilma, onde manteve o livre acesso, mesmo depois de deixar o posto, envolvido em escândalos.

Disse o juiz Sérgio Moro, a fim de que o ex-ministro mergulhou no “mundo das sombras”, e utilizados nos mais altos cargos da República e das campanhas eleitorais para achacar empresários.

Moderado médico de Ribeirão Preto, o “italiano”, como era chamado o endereço de e-mail, já percorreu um longo caminho. Fornece uma abordagem sistemática imoral a relação entre o símbolo com o mundo empresarial. Como resultado, a escolha foi, em seguida, ele foi seguido por Mantega, que, diligentemente, a partir considerando a decisão do povo que serviu, tomar a montagem e a operação do sistema.

A Polícia Federal aliança Internacional das propinas que somam R$ 50 milhões. Os guardiões da economia, agora se você sabe, ser tratadas no primeiro fim de garantir que os interesses da sigla, os aliados e seus próprios antes para garantir a estabilidade.

O Partido dos Trabalhadores, a cada dia torna-se mais evidente, a utilização da máquina estatal em forma de um criminoso como qualquer outro grupo na história. Deliberadamente danificados do sistema. Não menos do que três tesoureiros petistas, dois ministros das Finanças e um número de chefes da Casa Civil deixa atrás das grades, ou no processo. Com um elenco digno de uma Babá e os 40 Ladrões.

Resultado de imagem para lula e a cupula do pt

Nos escritórios da Casa Civil petista de gestão “propinocracia” chegar ao topo. É surpreendente o número de proprietários da pasta, apanhados nas ações de criminosos. Iniciado por José Dirceu vai para a lista de Erenice Guerra, … (de novo!), Aloizio Mercadante, e a senadora Gleisi Hoffmann, a última transformou-se em um d-para a corrupção, durante a semana passada, junto com seu marido, o ex-ministro Paulo Bernardo.

Um reflexo da tendência para as violações da Festa pode ser percebida nas eleições municipais, onde experiências desempenho moderado. O PT não só para reduzir drasticamente o seu prestígio junto à opinião pública. Alguns dos candidatos que foram elegíveis para a disputa ainda vai ser ocultada, mesmo a associação é parte da campanha para não ser morto.

No Rio de Janeiro, havia até mesmo uma versão release candidate do seu próprio. A mesma coisa acontece em Salvador, Aracaju e São Luís. Nas capitais, o desempenho do petista deprimente, e é com o objetivo de vender apenas a prefeito em que a distância é a cidade de Rio Branco, Acre. No Brasil, onde Lula nasceu, e de São Bernardo do Campo, onde ele vive, o PT sai foi derrotado na eleição.

E nada se compara com a fragorosa bater mais na capital, em São Paulo, onde o candidato e atual prefeito, Fernando Haddad, mesmo ameaçando a liderança. A indigência política requer uma refundação do Partido é o resultado, sem dúvida, de relish deste grupo em uma tentativa de roubar os cofres do País. Um preço alto a pagar.