A BOMBA EM CASO de DANIEL: o Assassino convidou Daniel para ter sexo com sua mulher, diz testemunha

imagem08-11-2018-20-11-02

Além disso, o marido teria usado drogas antes de matar o jogador, como a cocaína e o ecstasy

Uma testemunha da morte de Daniel Corrêa disse que o empresário Edison Brittes teria convidado o jogador de futebol a ter relações sexuais com sua esposa, Cristiana. De acordo com a Missa diária de Notícias, que ele ouviu uma pessoa próxima à família, a situação teria ocorrido momentos antes da morte da atleta.

Resultado de imagem para Edison convidou Daniel para transar com a mulher dele, diz testemunha

Ainda de acordo com a testemunha, Edison teria usado drogas antes de matar o jogador, como a cocaína e o ecstasy. “A família tem o direito de saber que Daniel não tentou estuprar ninguém, ele realmente era inocente na história””, disse a testemunha.

Nesta quinta-feira (8/11), a Polícia Civil do Paraná descartada a hipótese de que Daniel foi estuprada Cristiana antes de ser morto. Na quarta (7), a Justiça decretou a prisão de outros três suspeitos, que estavam no mesmo carro, pois o empresário. Brittes já foi detido.

Fonte: www.metropoles.com