Micro e pequenas empresas é de crescimento de 1,2% no PB, em 2018, aponta Receita Federal

0
34
Micro e pequenos negócios têm crescimento de 1,2% na PB em 2018, aponta Receita Federal
Micro e pequenos negócios têm crescimento de 1,2% na PB em 2018, aponta Receita Federal

O número de micro e pequenas empresas cresceu 1,2% no estado da Paraíba nos últimos 12 meses, indicam os dados do Sistema de Estatísticas do Simples Nacional (Sinac), da Receita Federal. Em dezembro do ano passado, foram 153.397 pequenas empresas são formalizados em todo o estado. Já no ano de 2018, o número subiu para 155.244 empreendimentos.

Do total de pequenas empresas registadas, 109.441 correspondem aos microempreendedores individuais (MEIs) – que é a pessoa que trabalha por conta própria e se legaliza como pequeno empresário optante simplesmente pelo Nacional, com receita bruta anual de até R$ 81 mil; enquanto que 45.803 são micro e pequenas empresas – empresas com receita bruta igual ou inferior a R$ 360 mil por ano.

Ainda de acordo com os dados da Receita Federal, em relação ao Nordeste, o estado da Paraíba ocupa o sexto lugar do ranking entre os nove estados em que o número de empresas formalizadas no órgão.

De acordo com o gerente de gestão estratégica do Sebrae Paraíba, Ivani Costa, os dados de reforçar a capacidade das pequenas empresas para melhor responder às necessidades do mercado, a geração de emprego e renda, mesmo em momentos difíceis. Ainda de acordo com o gerente, os pequenos negócios representam 99% do universo de negócios da paraíba.

Geração de empregos

De janeiro a setembro de 2018, segundo informações do cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, as micro e pequenas empresas na região gerado 5.096 postos de trabalho com carteira assinada, com destaque para os setores de serviços (3.329 vagas), agricultura (738 vagas) e comércio (630 vagas). Apenas em setembro, de acordo com o levantamento, 55,2% dos 2.083 empregos formais gerados no estado da Paraíba, foram, desde o pequeno negócio. O percentual corresponde a 1.151 do total de empregos criados.

Da Redação com G1 Paraíba

Selecionamos para você

Deixe uma resposta