A assessoria do cantor MC Marcinho, de 45 anos, informou, às 16h50 desta sexta-feira (25), que o cantor teve uma piora em seu quadro de saúde.

De acordo com Vanessa Bicalho, que trabalha com o artista, os familiares foram chamados ao Hospital Copa D’or, na Zona Sul do Rio de Janeiro, para conversar com os médicos.

”Eles falaram da piora, que meio que não tem mais o que fazer. Que agora só um milagre para tirar ele dessa situação”, disse Vanessa emocionada, mas garantindo que o artista seguia vivo.

Vanessa contou ainda que os familiares chegaram ao hospital por volta das 15h, e, que em visita ao cantor, a irmã de Marcinho segurou sua mão, se identificou e pediu ele mexesse os olhos se estivesse ouvindo ela e foi atendida.

”A família está muito apreensiva, mas eles são cristão, acreditam muito e saíram daqui para se retirar para rezar pelo Márcio”, contou a assessora.

A assessoria reforçou que o cantor segue vivo, contra boatos que começavam a circular e falando da morte do artista.

”Mc Marcinho continua vivo e em estado grave. Contamos com a colaboração de todos com informações verdadeiras, em respeito à família e aos fãs. Ele está grave, sim, a família foi chamada, sim, mas ele segue ligado aos aparelhos”, disse a assessora.

No início da família, Marcinho apresentou um quadro de infecção generalizada, conhecido como sepse, e precisou de cuidados mais intensivos.

O artista está internado desde o dia 27 de junho, no Hospital Copa D’Or, em Copacabana, com um quadro de insuficiência cardíaca e renal.

Por causa da infecção generalizada, MC Marcinho se tonou inativo na fila de transplante de coração, até que o problema seja sanado.

Pelas regras do Sistema Nacional de Transplantes, o receptor tem que ter condições mínimas para suportar uma cirurgia e receber o órgão.