Lula acusa o presidente Bolsonaro de ser racista e misógino

0
143

O ex-presidiário Lula, chefe do PT, usou as suas redes sociais para realizar acusações gravíssimas ao presidente Jair Bolsonaro. De forma indireta, ele acusou o presidente brasileiro de ser racista e misógino.

“O povo sabia que o ‘Bolsonaro não gostava de preto’ e votou nele mesmo assim. Sabiam que ‘ele não gostava de mulher’ e votaram mesmo assim… Temos que conversar com as pessoas que embarcaram no discurso do Bolsonaro e tentar reeducá-las. Trazer elas de volta pra democracia” — escreveu.

Em 2018, Lula foi impedido de participar da eleição presidencial por conta da Lei da Ficha Limpa, Ele foi condenado à nove anos e meio de prisão, em 1° Instância, no ‘Caso do Triplex no Guarujá’. A sentença de 1° Instância, proferida pelo então Juiz Sérgio Moro, foi confirmada em 2° Instância, com os desembargadores decidindo por aumentar a pena para 12 anos e um mês de prisão. Em virtude disso, o líder petista chegou a ser preso no dia 7 de abril de 2018, deixando a cadeia no dia 08 de novembro de 2019 — não porque comprovou inocência, mas por causa de uma mudança de entendimento do STF acerca da prisão após 2° Instância. Lula, que ainda é o maior líder da Esquerda no Brasil, é réu em vários processos.