LEIA A LETRA: Policial feminina mata filho, se mata e deixa uma carta dizendo que a violação do pai contra o filho

Uma carta do pesquisador Mileide foi encontrado, e relata que a criança teria sido abusada sexualmente pelo pai

  • Imagem relacionada

Um policial civil, lotado em Apucarana, matou seu filho de 4 anos com um tiro na cabeça e, em seguida, cometeu suicídio.

O corpo foi encontrado por familiares na sexta-feira (06), em Cambé, norte do Paraná, no entanto, de acordo com informações da polícia, o fato aconteceu na quarta-feira (04).

Uma carta do pesquisador Mileide foi encontrado, e relata que a criança teria sido abusada sexualmente pelo pai, que recentemente recebeu o direito de visita assistida. No papel, Mileide diz que seu filho não vai ser estuprada, porque ele é um anjo.

Confira o que diz a carta:

Fonte: costaoestenews.com

VEJA TAMBÉM:

TRISTEZA: Pai mata filhos, porque eles “não poderia viver com a traição” da mãe