Itaúsa (ITSA4) dá aval para pagamento de juros sobre capital próprio

0
72

Nesta segunda-feira, 7, o conselho de administração da Itaúsa (ITSA4; ITSA3) autorizou a declaração de juros sobre o capital próprio (JCP) no custo de R$ 0,10165 por ação. Os pagamentos dos JCP serão realizados até 30 de abril de 2021, de acordo com a posição acionária final desta quinta-feira, 10.

O comunicado também destaca o desconto de 15% de Imposto de Renda (IR) na fonte. Dessa forma, os juros líquidos pagos serão de aproximadamente R$ 0,086 por ação da instituição.

Vale lembrar que acionistas pessoas jurídicas que atestem ser imunes ou isentos não terão retenção do IR.

Números da Itaúsa

No terceiro trimestre de 2020, a empresa registrou R$ 1,784 bilhão de lucro líquido. Assim, houve contração de 8,1% em comparação ao resultado de R$ 1,941 bilhão do mesmo período do ano passado.

A companhia responsabilizou o menor resultado de equivalência patrimonial vinda do Itaú Unibanco (ITUB4), que totaliza mais de 90% do portfólio da Itaúsa.

A contabilização reduziu 23% no terceiro trimestre, por conta dos maiores gastos com Perdas Esperadas com Operações de Crédito em função da pandemia de Covid-19.

Por outro lado, no comparativo entre julho e setembro de 2019 para este ano, a receita de venda de bens e serviços avançou de R$ 1,308 bilhão para R$ 1,778 bilhão.

As ações da Itaúsa (ITSA4) negociadas na B3 fecharam o pregão com alta de 0,45%, a R$ 11,26, no último dia 7.

 Veja ainda: MEI: Transações com Pix ficam mais baratas? Conheça as vantagens