IRPF 2020: Confira se Receita incluiu você para receber 5º lote de restituições

0
94
IRPF 2020: Confira se Receita incluiu você para receber 5º lote de restituições
IRPF 2020: Confira se Receita incluiu você para receber 5º lote de restituições

A Receita Federal liberou a consulta ao quinto e último lote de restituições do Imposto de Renda 2020 nesta quarta-feira, 23. De acordo com o órgão, R$ 4,3 bilhões serão distribuídos a mais de 3 milhões de contribuintes. O pagamento será feito no dia 30 de setembro.

Se o dinheiro não for creditado até esta data, o beneficiários terá que procurar uma das agências do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento: 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos).

Anúncio

O valor da restituição ficará disponível no banco durante um ano. Caso o contribuinte não faça o resgate nesse prazo, deverá fazer um novo requerimento por meio da internet. Nesse quinto lote, 3.199.567 pessoas receberão a restituição.

Como consultar a restituição?

O interessado poderá verificar se teve a declaração liberada pelo site da Receita Federal ou pelo aplicativo Pessoa Física, disponível para os sistemas Android e iOS. Ao realizar a consulta do Imposto de Renda 2020, o contribuinte terá acesso as seguintes informações:

  • Que foi contemplado e receberá os valores no dia 30 de setembro ou;
  • Que a declaração está “em processamento”, ou na “fila de espera” do órgão. Isso indica que pode haver alguma inconsistência de informações, e o contribuinte pode revisá-la para ter certeza, mas isso ainda não é certo.

Antecipação do restituição

Neste ano, as restituições começaram a ser liberadas mais cedo. Além disso, houve uma redução no número de lotes, de sete para cinco. Anteriormente os pagamentos iam de junho a dezembro. Em 2020, vão de maio a setembro. Sendo assim, as pessoas que têm direito à restituição estão recebendo o dinheiro mais rápido.

Veja mais: Receita Federal abre programa de renegociação de dívidas com desconto de até 50%