INSS antecipa pagamento da aposentadoria de segurados afastados

0
87

Os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que passaram alguns períodos afastados recebendo benefícios por incapacidade, como aposentadoria por invalidez e auxílio-doença podem completar o tempo mínimo exigido para a aposentadoria, chamado de carência.

A regra vale para quem fez contribuições antes ou depois do benefício e também para aqueles que não fizeram nenhum pagamento depois, dependendo do tipo de afastamento. De acordo com a advogada Adriana Bramante entrevistada pelo São Paulo Agora, o trabalhador precisa se atentar à natureza do benefício para ter o período computado.

A  carência é o tempo mínimo de pagamento ao INSS que dá direito ao benefícios previdenciários. A nova medida é aceita nos postos do instituto de forma administrativa.

Benefício por incapacidade acidentário e não acidentário

Benefício por incapacidade acidentário

São os relacionados a acidente ou doença do trabalho. Para receber, o trabalhador precisa, após o fim do benefício, ter ao menos uma contribuição ao INSS. Pode estar intercalado ou não entre contribuições, ou seja, após o fim do benefício, o trabalhador não precisa, necessariamente, ter contribuição ao INSS.

Benefício por incapacidade não acidentário

Neste caso, não está relacionado a acidente ou doença do trabalho. Para receber é necessário que o tempo de afastamento esteja entre contribuições, ou seja, após o fim do benefício, o trabalhador deve ter pelo menos uma contribuição ao INSS, pagando carnê de recolhimento ou quando voltar ao trabalho com carteira assinada.

Você sabe como pedir aposentadoria pelo Meu INSS?

Atualmente, a entrega de documentos para o INSS pode ser feita tanto pela internet, portal Meu INSS, quanto em uma agência da Previdência pelo sistema drive-thru de entrega de envelopes. Caso queira entregar pela internet, proceda da seguinte forma:

Envie documentos pelo Meu INSS

  • Acesse o Meu INSS
  • Se ainda não tiver, faça cadastro no portal
  • Escarneie, ou fotografe, as cópias dos seus documentos em formato PDF
  • Os documentos precisam ser coloridos e terem 24 bits e qualidade de 150 DPI em um arquivo único
  • O tamanho de cada arquivo deve ser de até 5 Megabytes
  • A soma de todos os documentos não pode passar de 50 Megabytes

Veja também: Saiba o valor da aposentadoria do INSS para 2021