Homem mais alto do Brasil, o paraibano ‘Ninão’ marca cirurgia para amputar perna: ‘melhorar a minha saúde’

Joelison Fernandes da Silva, o Ninão em cadeira de rodas. Foto: Reprodução

Considerado o homem mais alto do Brasil medindo 2,37 m, o paraibano de Taperoá precisará amputar sua perna direita por conta de uma infecção. Ninão fará o procedimento já no dia 3 de dezembro. Vale salientar que ele não consegue andar há mais de 4 anos.

Joelison está pesando cerca de 200 kg e sente muita dificuldade na mobilidade cotidiana: “Sofri muito essa semana, muitas dores. Infelizmente é uma decisão difícil, mas com certeza pra melhorar a minha saúde, em nome de Jesus. Estou muito confiante”, disse Ninão em suas redes sociais.

Antes de se tornar uma celebridade, Ninão tinha vergonha de todos os olhares de admiração voltados para ele. O paraibano descobriu o gigantismo aos 14 anos, quanto media 1,95 m. Teve a opção de fazer uma cirurgia para parar o crescimento, mas não fez por medo dos riscos do procedimento. Parou de crescer há quatro anos com a ajuda de remédios.

A cirurgia e a compra da prótese que ele vai usar serão possíveis graças a uma campanha para arrecadação de recursos via internet.

Com G1 Paraíba