Globo é colocada na Justiça e é obrigada a reduzir salário dos seus artistas

0
68
Emissora está sendo processada na Justiça do Trabalho (Foto: Reprodução/Globo)
Emissora está sendo processada na Justiça do Trabalho (Foto: Reprodução/Globo)

A TV Globo segue com o plano de reduzir o salário dos seus artistas, pois, existem contratados recebendo um valor bem acima da média. O objetivo principal do canal, é acabar com os contratos como Pessoa Jurídica e começar a assinar a carteira dos seus artistas. Acontece que a emissora está tendo que enfrentar algumas ações na Justiça, na qual ex-funcionários estão reivindicando os seus direitos trabalhistas, e a emissora está sendo obrigada a pagar a eles, todos os direitos que uma pessoa de carteira assinada tem.

Veja Também: Luana Piovani xinga Pedro Scooby de “oferenda”, se revolta com Anitta e dispara: ‘Aprender é bom’

Veja Também: Dany Bananinha, após deixar Caldeirão do Huck, dançarina faz revelação chocante sobre momentos terríveis: “Meu sangue subiu”

Veja Também: Ludmilla abre intimidade e fala sobre namoro com bailarina: “podendo ser o mais ‘eu’ possível”

Segundo informações do site Notícias da TV, a emissora está renegociando os contratos de seus artistas, e o caso acabou indo parar na Justiça, em uma ação civil publica que está na Justiça do Trabalho do Rio de Janeiro. Tudo segue em sigilo.

Muitos estão se recusando a mudar o esquema de contrato com a emissora, alegando que irá receber menos. Estrelas como Ana Maria Braga, Fausto Silva, Fátima Bernardes, são um dos poucos que trabalham na emissora como Pessoa Jurídica.

Porém, além deles, tem jornalistas, atores, entre outros profissionais. Ainda de acordo com informações, todos eles estão sendo pressionados a renegociar os contratos, onde receberam um salário mais baixo.

A ação, vale dizer, está correndo na Justiça Trabalhista do Rio de Janeiro, e surgiu através de uma denúncia de alguns profissionais da emissora, que alegam que as leis trabalhistas não estão sendo respeitadas.

Como segue em segredo de Justiça, não existe detalhes sobre o processo, porém, é uma questão que pode levar até anos para ser resolvida. Procurada, a Globo admitiu está sendo processada, mas, alegou que nada tem a ver com o modelo de gestão adotado pelo canal. “Estamos revendo modelos de contrato para atividades estratégicas nas múltiplas plataformas das empresas Globo, em comum acordo e sem prejuízo para nenhuma das partes“, disse em nota.

Veja Também: Arlindo Cruz após AVC surge em Festa Junina com a neta

Recentemente o ministro da educação no Brasil, Abraham Weintraub criticou a Globo após uma jornalista do grupo criticá-lo em sua coluna. “Marinhos/globo novamente venenosos. Vôo lotado, eu na 20 Cº. Mãe e 2 filhos juntos na outra fileira. Pai, na 12A, mudou de ideia pouco antes de decolar. Não falaram comigo (por favor?). Aeromoça sugeriu ‘vantagem’. Qualquer pessoa próxima poderia trocar, mas estávamos decolando”, disparou ele.

O ministro da educação do governo Bolsonaaro, Abraham Weintraub (Foto: Reprodução)
O ministro da educação do governo Bolsonaro, Abraham Weintraub (Foto: Reprodução)

Veja as últimas noticias sobre TV & Fama