Ghost of Tsushima irá chegar aos cinemas pelas mãos do realizador de John Wick

0
120

Segundo foi avançado por Nate Fox, o responsável máximo da Sucker Punch Productions, o mais recente título produzido pelo estúdio, Ghost of Tsushima, irá chegar aos cinemas com realização de Chad Stahelski — realizador responsável pela produção de filmes como o John Wick. O jogo que foi lançado como exclusivo da geração passada foi recebido pela comunidade formidavelmente, pelo que este anúncio não é uma surpresa.

Ghost of Tsushima contextualiza a temática samurai estando localizado e ambientado no final do século XIII, numa altura em que o império mongol devastou nações inteiras na ambição da sua campanha para conquistar o Oriente e, em particular, a ilha de Tsushima que é o último ponto de defesa entre o território nipónico e a enorme invasão mongol liderada pelo implacável e astuto general Khotun Khan.

Adaptações de jogos para o grande ecrã não são uma novidade, até porque existem adaptações primorosas de diversos jogos bem conhecidos entre a comunidade. The Witcher — este que estreou na Netflix em 2019, e do qual existia uma grande expetativa —, Super Mário e Príncipe da Pérsia são alguns dos exemplos mais prementes.

“Estamos muito felizes por poder trabalhar com a Sony Pictures e por tornar isto possível. E o Jin está em boas mãos com o realizador Chad Stahelski, que criou algo especial com John Wick. Algumas das melhores cenas de ação de todos os tempos foram criadas graças à sua visão criativa e aos seus anos de experiência” refere Nate Fox em comunicado. Isto acontece numa altura em que Ghost of Tsushima já vendeu mais de 6 milhões de unidades, e que cerca de metade dos jogadores já terminaram a história.

Estes argumentos devem justificar e suportar, em parte, aquilo que é o feedback obtido por parte da equipa de desenvolvimento. Bem sabemos aquilo que foi a expetativa em relação a outro exclusivo Playstation, o The Last of Us: Parte II que desiludiu inúmeros jogadores, incendiando a comunidade numa acesa troca de culpas e insultos, mostrando o quão tóxica conseguem ser os aficionados por videojogos, em determinadas circunstâncias.

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões