Estação Cabo Branco celebra os 436 de João Pessoa com a 2ª edição da ‘Expo Virtual – Cidade que Cuida’

0
159

Para celebrar os 436 anos de João Pessoa a Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes realiza a segunda edição da exposição ‘Expo Virtual – Cidade que Cuida’. As pessoas poderão ver as obras acessando o link https://tour360.meupasseiovirtual.com/038699/145966/tourvirtual/index.html. O público vai ter uma visão em 360º da exposição. A produção musical durante o passeio virtual é do músico Mô Lima.

O isolamento e distanciamento social são dois fatores que, durante a pandemia, causaram prejuízo para o seguimento das artes. Como forma de minimizar os prejuízos causados para o setor o diretor da Estação Cabo Branco, Guga Marques, viu na forma virtual uma maneira de ocupar todos os espaços seguros, diante de uma pandemia.

Você já imaginou acertar 14 pontos com apenas 14 JOGOS na Lotofácil ?

Uma plataforma completa com inteligência artificial Que te GARANTE 14 e até 15 Pontos com apenas 14 Bilhetes.
Hoje você poderá se tornar um apostador PROFISSIONAL!

COMPRAR AGORA

ESTA OFERTA PODE SAIR DO AR A QUALQUER MOMENTO, APROVEITE!

“Foi assim que surgiu a iniciativa de fazer a primeira exposição virtual da Estação. A primeira versão da “Expor Cidade que Cuida” contou com 13 artistas. Teremos agora mais 10 artistas expondo belíssimos trabalhos onde a cada três dias um artista será o destaque. Esse será um presente da Estação, para a cidade e para seus visitantes, uma mostra riquíssima culturalmente,” disse Guga Marques.

Artistas – A segunda exposição terá obras dos artistas plásticos: Sóter Carreiro, Carlos França, Analice Uchôa, José Altino, Wellington Costa, Kátia Morato, André Soares, Madriano Basílio, Jacantti e Cristina Strapação.

“Nosso objetivo vai para além da exposição com as obras, queremos trazer o artista para a Casa e o público para a intimidade do artista, por isso visitamos os ateliês”, falou a curadora da Estação, Amanda Costa.

O artista plástico Eulâmpio Neto participou da primeira edição com suas obras expostas. Ele também falou da importância da ‘Expo Virtual’ para a classe. “Essa iniciativa da Estação Cabo Branco em realizar a exposição virtual é muito boa, pois movimenta a arte em um período que estamos meio parados, coloca a nossa arte, mesmo que de forma virtual, para as pessoas verem. É muito importante não só pra mim como para os demais artistas. Temos que nos adequar aos novos tempos”, disse.