Exame de DNA inocenta jovem acusado de estupro em Lagoa de Roça/PB;

0
92

No final da tarde desta quinta-feira (29) a polícia teve acesso ao exame de DNA realizado a pedido da defesa do jovem Douglas Mikael, de 24 anos, morador de São Sebastião de Lagoa de Roça que foi preso em maio deste ano acusado de ter praticado estupro contra uma estudante na zona rural de Puxinanã. Na época, o crime ganhou grande repercussão em todo estado, porque a violência sexual aconteceu quando a vítima e seus familiares seguiam para um culto evangélico.

Na noite do dia 06 de maio, o bandido além de roubar o carro e os pertences da família, fez os pais da jovem assistirem o estupro.

Você já imaginou acertar 14 pontos com apenas 14 JOGOS na Lotofácil ?

Uma plataforma completa com inteligência artificial Que te GARANTE 14 e até 15 Pontos com apenas 14 Bilhetes.
Hoje você poderá se tornar um apostador PROFISSIONAL!

COMPRAR AGORA

ESTA OFERTA PODE SAIR DO AR A QUALQUER MOMENTO, APROVEITE!

Uma semana depois, os homens do 15º BPM, sediado em Esperança, prenderam Douglas Mikael e o apontaram como responsável pelo crime. Na ocasião a PM fez buscas na casa do rapaz e ainda encontrou drogas e outros objetos no imóvel.

Preso desde o dia 14 de maio na Cadeia Pública de Esperança, o advogado do rapaz solicitou a coleta de material genético (DNA) para tentar provar a inocência do acusado. O resultado foi negativo e divulgado nesta quinta-feira (29).

O advogado Matheus José Araújo concedeu entrevista EXCLUSIVA ao blog do márcio rangel e já garantiu que irá solicitar a liberação do rapaz ainda nesta sexta.

VEJA ENTREVISTA COMPLETA: