Empréstimo Agibank libera limite de até R$ 10 mil em 2 horas; Veja como solicitar

0
95

O banco digital brasileiro Agibank oferece empréstimo pessoal repleto de benefícios, que inclui contratação em poucos cliques, taxas reduzidas e isenção de consulta ao SPC e Serasa. Além disso, o limite pode chegar a R$ 10 mil e o prazo de pagamento em até 84 meses.

Durante o envio do pedido, o cliente fica sabendo em até duas horas se foi aprovado ou não no crédito. Todas essas vantagens são oferecidas para o público de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), servidores públicos e militares, sob a modalidade de consignado.

Vantagens empréstimo Agibank

Confira a seguir as principais razões para escolher a linha de crédito do banco:

  • Desconto das parcelas em folha;
  • Dinheiro é liberado rapidamente na conta do requerente;
  • Taxas de juros reduzidas – só 1,2% ao mês;
  • Prazo de 84 meses para pagar;
  • Não exige consulta ao SPC/Serasa;
  • Solicitação acontece sem sair de casa;
  • Contratação em poucos cliques.

Como contratar o empréstimo Agibank?

Interessados em contratar o empréstimo do banco digital devem seguir os seguintes passos:

  • Acesse o site do Agibank;
  • Em seguida, informe os dados solicitados, incluindo nome completo, CPF, telefone e e-mail;
  • Feito isso, aguarde a resposta do banco, que pode sair em até 2 horas. Apesar de não realizar consulta ao SPC e Serasa, o banco informa que não há garantia de aprovação.
  • Sobre a documentação exigida, o banco pede:

    • Documento de identificação: como a carteira de identidade/RG e o CPF;
    • Comprovante de residência: pode ser algum documento atualizado que mostre o seu endereço, seja uma conta de luz ou telefone;
    • Comprovante de renda: informes relacionados ao último contracheque ou detalhamento de crédito do INSS;
    • Extrato da conta corrente: disponível no aplicativo do banco ou no caixa eletrônico. Importante estar com a data.

    Leia ainda: Confira a lista de melhores empréstimos consignados para segurados do INSS