Eduardo Bolsonaro se manifesta após deputado americano (democrata) o atacá-lo

0
45
Eduardo Bolsonaro se manifesta após deputado americano (democrata) o atacá lo
Eduardo Bolsonaro se manifesta após deputado americano (democrata) o atacá lo

Na noite desta segunda-feira, o congressista americano Eliot Engel, presidente do Comitê de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados dos Estados Unidos, disparou contra Eduardo Bolsonaro e sua família. O motivo foi um vídeo compartilhado por Eduardo em que enaltece o atual presidente americano, Donald Trump.

Por meio da conta oficial do órgão americano no Twitter, Engel escreveu:

“Nós já vimos essa tática antes. Ela é vergonha e inaceitável. A família Bolsonaro precisa ficar fora das eleições dos Estados Unidos”.

A resposta do brasileiro veio nessa terça-feira (28), em uma longa série de tweets, logo após a repercussão do comentário feito pelo americano.

“Vale dizer que não é a opinião de uma comissão da Câmara dos EUA e sim a posição individual de seu presidente, o congressista de esquerda Eliot Engel (partido Democrata)” — disse Eduardo.

Em outro comentário, Eduardo ressaltou o seu apoio a Trump, o qual chamou de “Reagan da minha geração”. E aconselhou para que os brasileiros residentes nos EUA, que votaram em Bolsonaro, apoie o presidente americano na reeleição.

“Mas não vou desenvolver cada ponto que me faz apoiar Donald Trump , o Ronald Reagan da minha geração. Assim, aproveito para aconselhar aos brasileiros que elegeram Bolsonaro em 2018 (Miami 80,64%, Boston 79,58%, NY 63,42%) que apoiem Trump.”

E por fim, o brasileiro declarou:

“A sorte do colega dos EUA Eliot Engel é que não sou de esquerda, se não esse post seria reduzido ao insulto de xenofóbico. Pauto-me pela razão, não pelo politicamente correto. No mais, agradeço a sua atenção para este humilde congressista brasileiro sempre disposto a dialogar”.

“O problema é eu opinar sobre as eleições nos EUA? Ou é apoiar Donald Trump?” — finalizou.

Deixe uma resposta