É seguro deixar dinheiro no Nubank? Saiba se você pode ter prejuízo ao guardar valores na conta digital

0
88

Algumas notícias recentes envolvendo “sumiço de dinheiro” de contas do Nubank, gerou dúvidas em usuários e também em quem pensa em virar cliente da fintech, se seria seguro deixar o dinheiro na conta digital. De acordo com o noticiário do final de 2020, valores haviam desaparecido das contas digitais relacionadas ao pagamento do auxílio emergencial.

Segundo foi esclarecido pela fintech, houve um erro da Caixa Econômica Federal no momento da transferência do benefício, sendo que instituição passou valores superiores ao que alguns usuários tinham direito, e posteriormente o Nubank fez a retificação.

Desta forma, esses clientes acreditaram que o dinheiro havia sumido de suas contas digitais, quando na verdade, isso não ocorreu, porque tratou-se somente de uma correção do erro cometido pela Caixa. O mesmo problema aconteceu com o aplicativo de pagamentos PicPay.

Deixar dinheiro na conta do Nubank é seguro?

Como explicado anteriormente, como o “sumiço de dinheiro” da conta digital do Nubank foi um episódio isolado, provocado por erro na transferência de valores do auxílio emergencial, não há razão para ficar preocupado sobre a segurança da conta digital.

Além disso, diversos motivos reforçam que é seguro deixar dinheiro no Nubank. Um deles é o fato de que os valores depositados têm garantia do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), uma associação civil sem fins lucrativos que tem a função de proteger e, se for o caso, ressarcir investidores, correntistas e poupadores caso aconteça alguma coisa com a instituição financeira, como falência.

O Fundo tem limite garantido de até R$ 250 mil por CPF ou CNPJ. Por meio da garantia do FGC, cada usuário receberia seu dinheiro de volta no prazo de até 60 dias após o decreto de falência da fintech. Dessa forma, mesmo em uma eventual crise do Nubank, os clientes recuperariam seus depósitos e créditos até o valor de R$ 250 mil.

O que melhora a confiança na fintech, é que ela vem ganhando cada vez mais espaço no mercado financeiro, captando mais investimentos e conquistando novos clientes. Embora a instituição registrou prejuízo nos últimos anos, ela também captou mais de US$ 1,2 bilhão nos últimos sete anos e seu valor de mercado saltou para US$ 25 bilhões, o que equivale a 25 unicórnios.

Veja também: Curiosidade: Cartões Nubank e Inter também têm desvantagens? Veja aqui