Dicas: Como enviar arquivos pesados pelo WhatsApp Web

0
73

Quem, hoje em dia, nunca ouviu falar no “Zap”? Os aplicativos de troca de mensagens online se tornaram muito populares e são ferramentas indispensáveis nas mãos dos brasileiros. As pesquisas comprovam essa utilização em massa (os aplicativos estão presentes em, ao menos, 90% dos smartphones brasileiros, de acordo com a pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion Box), mas não é necessário conferir números para sabermos disso, não é mesmo?

Além de conversas entre amigos e grupos de família, o aplicativo também se tornou um espaço de trabalho e trocas profissionais. Conversas formais e até reuniões por meio de chamadas de vídeo são acontecimentos corriqueiros. Inclusive, com a pandemia da Covid-19 e a implementação de isolamento social por muitas empresas, o serviço que era realizado no local físico de trabalho passou a ser feito em casa e as interações online se intensificaram.

Nesse contexto, realizando o trabalho por meio dos aplicativos de mensagens, deixamos de enviar arquivos pelo e-mail e preferimos a maior rapidez da conversa instantânea, enviando os documentos por ali mesmo.

Diversas vezes, nessas interações, precisamos enviar arquivos extensos ou que são pesados por possuírem muitas imagens, por exemplo. De acordo com o “FAQ” (canal de dúvidas) do WhatsApp, “o tamanho máximo permitido para enviar ou encaminhar fotos, vídeos e arquivos de áudio pelo WhatsApp é 10 MB nos aparelhos com 512 MB de memória. Para aparelhos com pouco espaço de memória, o tamanho máximo permitido é 5 MB”. Esse limite aumenta para 64 MB no WhatsApp Web.  Então, o que fazer quando não podemos diminuí-lo e nem perder sua qualidade?

Buscando atender os trabalhadores na internet, muitas plataformas surgiram para nos auxiliar no envio, armazenamento ou edição de arquivos grandes como vídeos, imagens ou mesmo textos, seja no formato em PDF ou qualquer outro.

Guardando nas nuvens

A evolução tecnológica passou por vários mecanismos de armazenamento de documentos até sair dos instrumentos físicos (como o disquete, o CD, o pen drive e o HD externo) e chegarmos ao armazenamento pela internet, na nuvem, o qual utiliza um servidor online sempre disponível.

Nesse sentido, temos o conhecido Google Drive. Levando em consideração a intensa troca de contratos, pareceres e documentos formais que não podem perder seu formato, sua qualidade ou que não podem ser alterados, essa plataforma guarda os seus arquivos de maneira segura e promove o compartilhamento com um layout intuitivo e prático.

Ademais, não só aumenta a preocupação com a troca de documentos, como também com a sua segurança. Isso ocorre quando temos conhecimento de crimes virtuais e invasões de servidores. Até mesmo o próprio WhatsApp já utiliza a tecnologia de criptografia de ponta a ponta. Dessa forma, o MEGA é outra plataforma de armazenamento online, o qual pretende conferir proteção aos arquivos, por ser criptografado.

Realizado o upload nessas plataformas, você poderá compartilhar o link do documento por meio dos aplicativos de mensagem.

Dica extra: para não perder de vista esses links no meio de um grande fluxo de mensagens, muitas pessoas já criaram o hábito de adicioná-los na descrição do grupo ou, ainda, de classificar a mensagem como favorita a fim de não perdê-la.

Agora, se você não quer utilizar mais de um outro servidor para depositar seus arquivos, talvez seja o momento de alterá-los!

Comprimir é mais

Quando  a necessidade é de enviar o arquivo por ali mesmo, uma boa ideia pode ser a de comprimir imagens, vídeos e PDFs! Assim, eles irão ter seu tamanho diminuído ao mesmo tempo que a qualidade é mantida.

Para comprimir PDF, encontramos  sites especializados como o Small PDF. Ele é uma excelente ferramenta que oferece várias outras alternativas de modificação do arquivo em PDF como, também, excluir páginas ou dividí-lo, o que pode ser útil nessas ocasiões.

Já para comprimir vídeos existem os aplicativos “Video Compressor” (Android) e “Comprimir vídeo” (iOS), por exemplo. Eles são ótimos para manter uma imagem e áudio de qualidade nos vídeos, ao mesmo tempo que diminuem seu tamanho. Lembrando, ainda, que vídeos de até 100 MB já são automaticamente otimizados pelo próprio WhatsApp.

Dessa maneira, você já possui a munição necessária para compartilhar arquivos pelo WhatsApp, sejam eles armazenados na nuvem ou comprimidos!

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões