Delegado fala sobre destino de mãe acusada de espancar o filho até a morte em CG

0
56
Delegado fala sobre destino de mãe acusada de espancar o filho até a morte em CG – Foto: Reprodução

Em entrevista exclusiva ao Blog do Márcio Rangel, o delegado Kelsen Vasconcelos comentou o resultado do laudo do Instituto Médico Legal (IML), que concluiu que o bebê de 1 ano e dois meses morreu após ser espancado pela própria mãe, em Campina Grande.

“O laudo demonstra uma criança sendo muito mal cuidada. Além disso, demonstra também as agressões que ela sofreu, com marcas de lesões externas e internas no corpo [da vítima]”, afirmou o delegado.

Segundo ele, o laudo realizado pelos peritos do Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) constatou lesões no fígado e no rim, além de hemorragia interna.
O delegado revelou que a suspeita de praticar o crime, Raline dos Santos, de 26 anos, está sendo ouvida pela delegada Suelane Guimarães, que é a responsável pelo caso.

“A delegada está ouvindo novamente todas as pessoas para chegar a uma identificação do fato condizente com a barbárie que aconteceu”, declarou.

VEJA FALA DO DELEGADO: