Covid-19: Prefeito campinense questiona exigência de passaporte da vacina

0
1296

Foto: Leonardo Silva/Paraibaonloine

Foto: Leonardo Silva/Paraibaonloine

O prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima (PSD), comentou sobre a obrigatoriedade de apresentação do passaporte de vacina para a entrada em espaços de uso coletivo, como, por exemplo, estádios.

O passaporte é um documento que comprova que a imunização contra a Covid-19 está em dia.

Países como a Itália, Portugal, França, Israel, Japão e Dinamarca adotaram o passaporte. No entanto, a exigência do comprovante tem gerado protestos de grupos que não concordam com a obrigatoriedade.

Bruno destacou que não é favorável à medida em estádios do município.

– Em relação à exigência do passaporte de vacinação, este é um ponto para mim controverso. Se vão para um bar, restaurante, casamento e escola não estão pedindo passaporte de vacinação, por que exigir passaporte de vacinação apenas para o estádio de futebol? Para mim não faz muito sentido – disse o prefeito, em entrevista à Rádio Correio FM.