COVARDIA: cachorra é resgatada após sofrer queimaduras causadas por material utilizado em asfalto; ONG pede doações

0
82

Um caso de maus-tratos a animal revoltou os moradores de Campina Grande, no Agreste paraibano. Segundo uma publicação da ONG Animal de Rua, a cachorrinha de 5 meses foi resgatada após sofrer queimaduras causadas por piche de asfalto e ter uma corda amarrada em volta do seu pescoço. Não há informações sobre quem teria jogado o produto químico no corpo do animal.

Vitória, como a cachorrinha tem sido chamado desde o resgate, ficou esperando socorro durante dois dias. Ela sofreu queimaduras de quarto grau. Por causa da dor, os médicos veterinários e técnicos de uma clínica especializada tiveram que aplicar diversas medicações fortes, entre elas a morfina, um medicamento de alto poder analgésico.

De acordo com a ONG, ainda não é possível dar banho na cachorrinha Vitória, já que “o piche grudou de uma forma na pele dela que toda a pele está escorrendo junto. E ficará assim por um bom tempo, até que comece a sair naturalmente”, diz a publicação.

A dor do animal era tão forte que “ela nem sequer reagia fisicamente a qualquer coisa que fizéssemos com ela. Mas a Vitória está sendo muito bem cuidada pela equipe”, acrescenta a ONG.

Com o objetivo de custear o tratamento da cachorrinha Vitória, a ONG Animal de Rua está precisando de apoio financeiro. Para quem quiser doar alguma quantia, os dados bancários são os seguintes:

PIX: 701.119.974-88 (NUBANK)
Caixa: AG: 0737 / OP: 013 / CONTA: 00051961-7
Isabella Pereira Dourado / 701.119.974-88
PicPay: @ANIMALDERUACG1
PicPay Assinaturas: @ASSINATURAANIMALDERUA