Conselheiros municipais exercem papel fundamental para uma gestão democrática e cidadã

0
118

No próximo dia 15 de agosto, os cerca de 370 conselheiros regionais da Secretaria Executiva da Participação Popular (SEPP) vão escolher, através de eleições, os 28 conselheiros municipais, sendo 14 titulares e 14 suplentes, que serão a ponte de diálogo entre a gestão e moradores dos bairros e comunidades. O processo acontece dentro do calendário do programa ‘Você Prefeito’.

Mas qual o papel de um conselheiro popular? Quem explicou é o secretário executivo da Participação Popular, Thiago Diniz. “O conselheiro é quem está próximo a comunidades, conhece seu território, é a referência para os moradores. Ele ou ela são os porta-vozes desses moradores e, assim, são essenciais para esse diálogo com a gestão, levando as demandas da população até os articuladores e, esses, trazem para nossa equipe técnica”, disse.

Você já imaginou acertar 14 pontos com apenas 14 JOGOS na Lotofácil ?

Uma plataforma completa com inteligência artificial Que te GARANTE 14 e até 15 Pontos com apenas 14 Bilhetes.
Hoje você poderá se tornar um apostador PROFISSIONAL!

COMPRAR AGORA

ESTA OFERTA PODE SAIR DO AR A QUALQUER MOMENTO, APROVEITE!

Para Nina Nascimento, moradora do bairro do Roger, ser conselheira foi uma das experiências mais positivas em sua vida. “Enquanto conselheira, eu pude atender a diversas demandas da comunidade. É gratificante você poder representar um contexto de dificuldade com o objetivo de trazer soluções”, afirmou Nina, que foi conselheira da 10ª Região da Participação Popular (10ªRPP).

Ela salienta que os espaço de discussões e encaminhamentos são muito determinantes, pois mostra que existe o diálogo e a vontade de resolver problemas em coletivo. “O conselheiro ou a conselheira é quem faz a ponte entre comunidade e gestão. É um trabalho desafiador para quem sonha com uma comunidade justa, igualitária e humana. O poder da fala para a comunidade é importantíssimo”, afirmou.  

No Bairro das Indústrias, Jaqueline Silva, que até recentemente exercia a função de conselheira municipal, contou que são muitas as demandas da população. Para isso é preciso ter muita paciência, entrega e discernimento. “Temos que saber dar a resposta certa, não dizer que será fácil, quando sabemos que algumas demandas requerem mais tempo para serem solucionadas. Mas jamais podemos deixar de dar alguma resposta à comunidade”, falou.

Durante seu mandato de dois anos, ela levou adiante muitas solicitações dos moradores. Ações como calçamento e padronização das calçadas foram algumas das atendidas, beneficiando o bairro. “É preciso aprender a escutar as pessoas. Esse processo da escuta é muito importante”, completou.

O articulador da 14ª Região da Participação Popular (14ºRPP), Vinícius Medeiros, explicou que para ser um bom conselheiro é preciso ocupar os novos espaços de ação com criatividade e perseverança. “Sempre perto dos moradores de bairros e comunidades, o conselheiro precisa ser eficaz no desempenho de suas funções”, disse.

As 14 Regiões da Participação Popular possuem um articulador ou articuladora, que poderão localizar os conselheiros municipais assim que forem eleitos. A listagem pode ser conferida no link abaixo:

Mapa das Regiões de Participação Popular de João Pessoa