Com seu maior fracasso de todos os tempos, Record toma atitude com Apocalipse e prejudica atores

GPS da Fama

Cesar (Fernando Pavão) em cena de Apocalipse (Foto: Reprodução/Record)
Cesar (Fernando Pavão) em cena de Apocalipse
(Foto: Reprodução/Record)

A Record está realmente destinada a acabar com sua novela Apocalipse o mais rápido possível, considerado um dos maiores fracassos dos últimos anos, a trama de Vivian de Oliveira não vem agrando o público e registrando médias de apenas 5 e 6 pontos de audiência na grande São Paulo.

Sendo assim, a emissora resolveu tomar uma medida que deverá prejudicar muita gente na Record. Segundo informa o jornalista Fernando Oliveira da coluna Zapping, pensando no corte de 60 capítulos, equivalente a 3 meses de Apocalipse, a Record resolveu matar uma série de personagens nos próximos capítulos da trama.

+ Globo é processada pelo PT e chama Luciano Huck às pressas para reunião de emergência

A morte dos mais diversos personagens de Apocalipse ocorrerá na famosa sequência do arrebatamento como é chamada na bíblia. Na sequência, pessoas do bem irão para o céu sete anos antes do fim do mando, dando a chance dos demais de se arrependerem de seus pecados. Como se não bastasse, a novela ainda deverá enfrentar outra baixa, é que Thaís Melchior deixará o elenco da novela. Com uma infecção renal, a atriz será substituída por Giselle Batista, que passará a interpretar a androide Melina.

PROTAGONISTA DE APOCALIPSE FALA DA GLOBO

No ar em Apcalipse, novela bíblica da Record, a atriz Juliana Knust, que interpreta a jornalista Zoe, falou sobre a trama de Vivian de Oliveira e a rotina de gravações.

“Creio que nunca gravei tanto, mas está sendo uma delícia. A galera do elenco é muito animada e gosta do que faz. Fiz a preparação na redação de um jornal e foi uma experiência bem intensa. Achei louca a vida do jornalista. Apesar de também ser uma profissão sem rotina, como a do ator, o ritmo é bem diferente. Acho que eu surtaria”, disse em entrevista à colunista Patricia Kogut.

+Rômulo Estrela relembra que faria outro papel em Deus Salve o Rei e comemora protagonista

Por causa do intenso ritmo de gravações, a artista não consegue aproveitar como gostaria as férias do filhos Matheus, de 7 anos, e Arthur, de 2, do casamento com o estilista Gustavo Machad

“Não estamos conseguindo fazer muitas coisas juntos, mas tudo bem. Este é o momento de focar na carreira. Então, os meninos estão viajando com o papai e a mamãe está trabalhando. O mais velho já entende bem, mas o pequeno sente um pouco. Outro dia fui dar bom dia e ele logo perguntou se eu estava indo trabalhar. Ele me manda muitos áudios contando tudo o que está faz na viagem. É uma graça”, contou.

+Exclusivo: Silvio Santos faz competição para definir apresentadora de novo programa no SBT

No ar na Record, Juliana também pode ser vista na Globo na reprise de Celebridades no Vale a Pena Ver de Novo. “Fiquei muito feliz com a reexibição, tenho um carinho grande por essa novela. Aconteceu num momento muito especial da minha vida. Foi minha estreia no horário das 21h e quando eu passei a morar sozinha no Rio. Além disso, a história é fantástica. Todo mundo está comentando no Twitter. Quinze anos depois, as pessoas ainda lembram de tudo”.

Mesmo com o sucesso da novela global, a atriz afirmou que se sente melhor hoje: “Quinze anos depois, algumas coisas mudaram, mas eu penso que estava muito bem naquela época e hoje me sinto ainda melhor. A maturidade é boa para a gente, ficamos mais seguras. Me sinto mais tranquila e, consequentemente, mais bonita e mais leve. Além disso, fico feliz de pensar que continuo trabalhando com o que amo. É uma profissão difícil, uma batalha diária. Então, estar no ar hoje e ver como eu era há 15 anos me faz perceber tudo o que trilhei. Deu tudo certo, não posso reclamar. Só tenho motivos para agradecer”.

 

Com seu maior fracasso de todos os tempos, Record toma atitude com Apocalipse e prejudica atores