Com número reduzido de visitantes, Parque da Bica é opção de lazer em família

0
87

O Parque da Bica prossegue cumprindo protocolos de biossegurança recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS), o que torna o local procurado por quem busca lazer em família com maior tranquilidade. Dentre as novas recomendações desde a reabertura no dia 15 de outubro, está o número limitado de visitantes: 200 pessoas por dia de terça à sexta-feira (100 no turno da manhã e 100 no turno da tarde) e 400 pessoas aos sábados e domingos (200 no turno da manhã e 200 à tarde).

O Parque da Bica permanece seguindo rigorosamente todos os protocolos sanitários recomendados pela OMS, com realização de procedimentos como medição de temperatura dos visitantes, higienização das mãos com álcool a 70% e a marcação e limitação de algumas áreas, afim de evitar aglomerações e contaminações do público e de funcionários. “Estamos adotando de maneira correta todos os protocolos sanitários, mas a gente precisa e conta muito com o apoio de toda população”, destacou o secretário de Meio Ambiente, Abelardo Jurema Neto.

Entre as medidas, a marcação e restrição de áreas visam garantir o distanciamento social. A moradora do bairro do Róger, Jéssica Felinto Cardoso, que foi ao local acompanhada da mãe, irmã e filhos, afirmou que compreende a situação. “Eu estou achando tranquilo porque tem pouca gente. Algumas áreas estão interditadas, mas dá para entender porque estamos numa pandemia e pretendo voltar com certeza”, disse.

Serviço – O Parque da Bica está localizado na Avenida Gouveia Nóbrega, s/n – Róger, aberto de terça a domingo, agora em horário especial: das 8h às 12h e das 13h às 17h, com entrada a R$ 2,00 por pessoa, sendo não pagantes crianças até 7 anos de idade e idosos acima de 65 anos. Mais informações através do telefone 3218-9710.