Clientes Nubank já podem fazer transferências pelo WhatsApp; Veja como

0
136

O Nubank acaba de liberar a integração com o WhatsApp Pay, novo recurso lançado no dia 04 de maio. Desta forma, os clientes da fintech agora podem transferir dinheiro dentro das conversas no aplicativo de mensagens.

A princípio, podem fazer a transferência via WhatsApp apenas os clientes que possuem o cartão de débito do Nubank. Sendo assim, para transferir valores ou fazer um pagamento, o cliente deve ter saldo disponível na conta digital.

O Nubank irá notificar o usuário por e-mail quando a integração com o WhatsApp estiver disponível para sua conta. Outra possibilidade é atualizar o aplicativo de mensagens para sua versão mais recente e verificar se a função de pagamentos está incluída.

Como fazer transferências via WhatsApp?

Caso o novo recurso esteja disponível no aplicativo, siga o passo a passo a seguir para transferir dinheiro pelo WhatsApp Pay:

  • Acesse o WhatsApp;
  • No canto superior direito da tela, selecione o ícone de três pontos e, em seguida, a opção “Pagamentos”;
  • Crie sua conta no Facebook Pay;
  • Informe seus dados pessoais e o número do cartão de débito;
  • Feito o cadastro, abra uma conversa com a pessoa que receberá a transferência;
  • Nos anexos, onde estão disponíveis as opções de envio de fotos, áudios e vídeos, selecione a opção “Pagamento” e informe o valor a ser transferido.
  • Você também pode gostar: Investimentos com aplicações a partir de R$ 1 no Nubank

    Vale destacar que é necessário ser maior de 18 anos, estar com o CPF regularizado e ter uma conta em banco com integração ao WhatsApp Pay, cartão de débito ou múltiplo. Ademais, existe um limite de transações pela plataforma: podem ser realizadas 20 transações por dia, até o limite máximo de R$ 1 mil por transação e limite mensal de R$ 5 mil.

    Fique atento!

    Frequentemente, o WhatsApp é alvo de golpes. Por isso, é necessário tomar alguns cuidados ao realizar transferências pelo aplicativo:

    • Nunca compartilhe o código de confirmação do WhatsApp, códigos de verificação ou o PIN do Facebook Pay com terceiros;
    • Nunca clique em links suspeitos;
    • Certifique-se de que realmente está falando com uma pessoa conhecida antes de fazer uma transferência. Muitos criminosos clonam contas do WhatsApp e se passam por amigos e familiares para pedir dinheiro a seus contatos.

    Leia também: WhatsApp limita acesso a recursos para quem não aceitar novos termos de privacidade