Centro Comercial de Passagem oferece diversos serviços à população

0
75

Kits de perfumes, acessórios para câmeras e celulares, confecções e calçados. Tudo em um só lugar, comercializado a preços acessíveis e com uma localização de fácil acesso para todos. Em frente ao Parque Solon de Lucena, há 16 anos, o Centro Comercial de Passagem (CCP) é um verdadeiro pólo econômico para microempreendedores individuais. O local é administrado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb) e conta com 306 comerciantes, de várias localidades da cidade, que oferecem uma série de serviços em horário comercial.

Cerca de 80% dos comerciantes trabalham com artigos e consertos para celulares. É o caso de Maria Maharaja, que atua no CCP há nove anos e sempre comercializou esse tipo de produto. “Esses acessórios cresceram muito no mercado nos últimos tempos, com o avanço da tecnologia e a variedade de celulares. A gente procura se adaptar às inovações do mercado e, já que a procura é muito grande por parte da população, tem dado certo”, explicou.

Com a pandemia, muitos se adaptaram às vendas pela internet, para driblar os prejuízos causados com os novos horários do comércio. “Já tínhamos as redes sociais e, quando começaram as medidas mais restritivas, iniciamos o trabalho de vendas online com delivery. Atualmente a gente continua com essa modalidade, mas a maioria das nossas vendas é proveniente do trabalho presencial”, reiterou Maharajara.

Além dos artigos para telefone, outro segmento que se consolidou no CCP foi o conserto de eletro-eletrônicos. No local é possível consertar telefones, celulares, tablets, computadores, relógios, controles para TV, entre outros. “Há seis anos comercializo aqui e não tenho do que reclamar. Já temos uma clientela fiel e a movimentação é sempre rotativa, por causa da localização. Trabalhamos com conserto de aparelhos celulares de diversas marcas e tablets”, explicou Natália Beatriz, comerciante.

A Sedurb tem trabalhado desde o início do ano para melhorar a infraestrutura, o ordenamento e promovido capacitações para os permissionários dos shoppings populares. Os comerciantes do Shopping do Varadouro já receberam as orientações, por meio de parceria com a Secretaria de Trabalho, Produção e Renda (Setrab), sobre a importância da formalização como Microempreendedor Individual (MEI). “Dar todo o suporte a esses trabalhadores é a nossa prioridade. Estamos dialogando com a categoria e pensando em alternativas para tornar esses espaços cada vez mais frequentados. Sabemos que a pandemia afetou diretamente o trabalho desses comerciantes e estamos os auxiliando nessa retomada”, explicou Fábio Carneiro, secretário da Sedurb.

Preço e variedade – O CCP conta com perfumaria, lojas de confecções para todas as idades e também brinquedos. Nesse período que antecede o Dia dos Namorados, os lojistas oferecem kits prontos de perfumes e sabonetes. Os comerciantes aceitam todos os tipos de pagamento e, alguns, trabalham com empresas parceiras de “cashback”, que a partir de um cadastro, oferecem dinheiro de volta a depender do valor da compra.