Campinense emite nota oficial sobre o caso do leilão de seu Centro de Treinamento

O Campinense Clube, por meio de sua diretoria, divulgou uma nota oficial nas redes sociais oficiais do clube na tarde desta terça-feira (12) para esclarecer o caso do leilão de seu Centro de Treinamento “O Renatão”.

Confira a nota:

“1. O departamento jurídico do clube já apresentou manifestação de defesa nos autos do processo judicial, objetivando anular o leilão em apreço.

2. A justiça cível avaliou o imóvel identificado como “O Renatão”, em 21/08/2020, pelo preço vil de 7 milhões de reais, valor totalmente dissonante da quantia de 33 milhões de reais encontrada, por sua vez, pela Justiça Trabalhista na avaliação realizada no dia 17/12/2020 – documentos acostados ao processo judicial.

3. É extrema a diferença de valores entre as avaliações judiciais, de modo que não se pode permitir que o leilão em análise se mantenha nos valores indicados, sob pena de afronta a inúmeros dispositivos legais aplicáveis ao caso.

4. A atual gestão não foi cientificada formalmente pela justiça sobre a existência e designação do leilão em apreço, o que tornaria nulo o ato judicial aludido.

5. Os valores objeto do leilão derivam de uma ação judicial proposta, em 26/04/2016, pela CAGEPA, cujo processo tramitou à revelia do clube, tendo transitado em julgado, sem qualquer manifestação de defesa do Campinense no processo de conhecimento.

A atual diretoria está envidando todos os esforços para preservar o patrimônio do Campinense Clube, que não é só da entidade desportiva, mas sim da cidade de Campina Grande.”