Campina Grande/PB ultrapassa a marca de um milhão de vacinas aplicadas e tem apenas três pacientes internados por covid-19

A Secretaria de Saúde de Campina Grande divulgou nesta sexta-feira (17), informações atualizadas com um balanço da primeira quinzena do mês de junho sobre o panorama da epidemia por covid-19 na cidade. De acordo com os dados, mais de um milhão de doses de vacinas da covid-19 foram aplicadas na população e, no momento, apenas três pacientes estão internados pela doença na cidade no Complexo Hospitalar Municipal Pedro I.

Dos três pacientes internados, dois são de Campina Grande e um de Puxinanã, todos em enfermaria, sem gravidade. Dois deles foram imunizados com três doses e um com duas doses da vacina anti-covid. “Todos os casos de infecção têm apresentado uma sintomatologia leve, em função da vacinação”, disse o secretário de Saúde, Dr. Gilney Porto.

De acordo com os dados da Vigilância em Saúde do município, cerca de 145 casos positivos foram diagnosticados por dia nesta primeira quinzena de junho. Contudo, os casos não têm evoluído para internação e a taxa de letalidade é abaixo de 0,5% neste período.

No Complexo Hospitalar Municipal Pedro I, a maior referência da Paraíba em tratamento de pacientes com covid-19, a média de atendimentos com suspeitas da doença é de 130 pacientes por dia e dois terços apresentam diagnóstico positivo, mas a taxa de internação é quase zero.

“Estamos atentos aos números relacionados à epidemia, sabendo que há uma estabilidade neste momento, um relativo controle e que esses casos não apresentam maiores complicações. Nossa estrutura de leitos nunca foi desmobilizada, pelo contrário, foi ainda mais ampliada e nossas equipes de atendimento seguem reforçadas”, disse o secretário.

O secretário solicitou ainda que, em episódios de adoecimento coletivo como em escolas ou empresas, que os casos sejam reportados à Direção de Vigilância em Saúde do município, para que possa ser feito um controle e um acompanhamento com rastreamento das infecções.

Fonte:Codecom/PMCG

Foto: PMCG