Bugatti Chiron Super Sport é ainda mais distinto do que o Super Sport 300+

0
130

Muito parecido com o Super Sport 300+, o Chiron mais recente é eletronicamente limitado a 273 mph (440 km / h), isto quando a Bugatti afirma que o hipercarro ainda é “sem esforço e seguro no controlo”, e é agora revelado como o ´Grand Tourer de 273 MPH ´. É considerado como sendo o grand tourer definitivo, oferecendo conforto e luxo, mesmo em velocidades recordes. A produção está planeada para começar em breve e as entregas ao cliente começarão no início de 2022.

304,773 mph (490,484 km / h) é a velocidade impressionante alcançada pelo piloto de testes da Bugatti Andy Wallace em 2019 ao volante de um Chiron Super Sport 300+. Uma versão de produção limitada a 30 exemplos seguiu em breve para marcar a ocasião, e agora o pessoal de Molsheim está a apresentar um novo sabor do seu hipercarro W16 de cauda longa. Podemos então, e agora conhecer o Super Sport, que será ainda mais raro já que a produção será limitada a apenas nove exemplares.

Os números de desempenho são impressionantes. O novo Chiron Super Sport atinge 124 mph (200 km / h) em 5,8 segundos e 186 mph (300 km / h) em 12,1 segundos. E dos 0 às 249 mph (400 km / h), é sete por cento mais rápido do que um Chiron padrão. A transmissão automática de sete velocidades e embraiagem dupla tem sido modificada e agora tem uma sétima engrenagem, 3,6 por cento mais longa. Curiosidade – o SS muda de sexta à sétima a 250 mph (403 km / h).

Enquanto o Super Sport 300+ foi moldado após o carro recorde conduzido em Ehra-Lessien, pista de testes na Alemanha do Grupo Volkswagen, o novo Super Sport tem um acabamento diferente. Ele retém o corpo retrabalhado, e esticado por 25 centímetros (9,8 polegadas) em comparação com o Chiron padrão para um fluxo de ar ideal em altas velocidades.

As ponteiras duplas fornecem efeitos sonoros mais profundos e ricos, cortesia do motor quad-turbo de 8,0 litros, produzindo uns imensos 1.577 cavalos de potência e 1.600 Newton-metros (1.180 libras-pés) de torque. Em comparação com o Super Sport 300+, a nova edição especial da Chiron tem jantes de alumínio redesenhadas com um design de cinco raios em Y e um acabamento opcional com corte de diamante.

Como alternativa, os clientes podem solicitar rodas em magnésio vistas originalmente no Pur Sport para reduzir ainda mais o peso além da dieta de 23 kg (51 libras) sobre um Chiron normal.

Os novos ´sapatos´ são embalados nos únicos pneus disponíveis no mercado que podem suportar de forma consistente velocidades de até 311 mph (500 km / h). É um pneu Michelin Pilot Sport Cup 2 feito sob medida que é radiografado para ter certeza de que não tem nem as menores irregularidades.

Os pneus possuem cintas reforçadas para lidar com as enormes forças e foram verificados na mesma bancada de teste inicialmente concebida para uma Nave espacial. Preço? € 3,2 milhões, uma “pechincha”, considerando que o único La Voiture Noire é cerca de três vezes e meia mais caro embora seja menos poderoso.

Fonte: Motor1

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões