Bradesco amplia linha de crédito para pequenas e médias empresas

0
125
Bradesco amplia linha de crédito para pequenas e médias empresas
Bradesco amplia linha de crédito para pequenas e médias empresas

Em meio à crise gerada pela pandemia do coronavírus, muitos empresários relatam ter dificuldades para obter recursos por causa da alta burocracia para conseguir crédito no mercado bancário, demora no resultado, aumento de juros e a exigência de garantias.

Por esse motivo, o Banco Bradesco irá ampliar as linhas para o financiamento de pequenas e médias empresas. Segundo o presidente da instituição, Octavio de Lazari, a intenção é acompanhar o movimento do governo.

Distribuição do crédito

Lazari mencionou iniciativas que teriam apoio do banco: o  Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe) e o Fundo Garantidor para Investimentos (FGI) do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), programas que são voltados para pequenas empresas. O Bradesco deve dar início a distribuição do crédito pelo Pronampe em agosto.

“Acho que é um crédito que ainda anda um pouco de lado porque os empresários menores vão evitar fazer novos investimentos agora. Devemos crescer em linhas como o Pronampe e o FGI para poder atender estruturalmente essas empresas”, afirmou o presidente do Bradesco.

Apoio financeiro a pequenas empresas

De acordo com um levantamento feito pelo Ministério da Economia no início de julho, apenas 17% dos recursos anunciados em programas de financiamento, lançados ou regulamentados pelo governo, haviam sido pagos.  O percentual equivale a R$ 12,1 bilhões dos R$ 70 bilhões anunciados para quatro grandes linhas.  A princípio, o governo liberou R$ 15,9 bilhões para o fundo, e todo o dinheiro para garantir as operações foi usado.

Os recursos são destinados à empresas com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões. O Ministério da Economia afirmou que a expectativa é disponibilizar mais R$ 12 bilhões em crédito por meio do Pronampe até 15 de agosto.

Veja mais: Grandes bancos oferecem empréstimo e microcrédito de até R$ 21 mil para MEI